Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

CR7 assume vice-liderança da Chuteira de Ouro; Brasil dá adeus ao top 10

Rafael Reis

2012-02-20T19:04:20

12/02/2019 04h20

Pela primeira vez desde o início da temporada 2018/19, o Brasil está fora do top 10 da Chuteira de Ouro, prêmio concedido anualmente ao maior artilheiro dos campeonatos nacionais da Europa.

A rodada do último fim de semana limou do ranking os atacantes Liliu (Kalju Nömme-EST) e Paulinho (BK Häcken-SUE), os principais representantes do futebol pentacampeão mundial na disputa.

Crédito: Marco Bertorello/AFP

O distanciamento da dupla da briga pelo prêmio já era algo previsível. Afinal, ambos atuam em ligas que encerraram a temporada no final do ano passado. Ou seja, não têm mais a oportunidade de marcar gols, somar pontos e subir na classificação.

Agora, Liliu, que chegou a liderar a Chuteira de Ouro no segundo semestre de 2018, ocupa apenas a 12ª colocação, com 31 pontos. Paulinho aparece logo na sequência, em 13º, com um ponto a menos.

Dentre os brasileiros que continuam em atividade na temporada, o mais bem posicionado é Neymar. O camisa 10 do Paris Saint-Germain, que se recupera de uma lesão no quinto metatarso do pé direito, está na 26ª posição, com 26 pontos.

O Brasil não fatura o prêmio desde 2001/02, quando Jardel (Sporting) foi o goleador máximo da temporada. O ex-centroavante de Palmeiras e Grêmio também levantou a taça em 1998/99. Além dele, apenas Ronaldo (1996/97) já colocou o país no lugar mais alto do pódio.

Lá no alto da classificação, Lionel Messi continua imbatível. Apesar de ter passado em branco no empate por 0 a 0 com o Athletic Bilbao, no domingo, o camisa 10 do Barcelona manteve a primeira colocação, com 42 pontos, e a vantagem de seis pontos (três gols) para o vice-líder.

A novidade é quem ocupa esse segundo lugar. O português Cristiano Ronaldo, da Juventus, uma espécie de arquirrival do craque argentino, marcou na vitória por 3 a 0 sobre o Sassuolo, também no domingo, alcançou Kylian Mbappé e agora divide o posto com a jovem promessa do PSG.

Messi é o maior vencedor da história da Chuteira de Ouro e já levou cinco Chuteiras de Ouro para casa: 2010, 2012, 2013, 2017 e 2018. Na última temporada, fez 34 gols no Espanhol e acumulou 68 pontos no ranking.

"Blog do Rafael Reis" publica a cada terça-feira uma nova parcial da disputa.

Confira o top 10 da Chuteira de Ouro

1º – Lionel Messi (ARG, Barcelona) – 42 pontos (21 gols)
2º – Kylian Mbappé (FRA, Paris Saint-Germain) – 36 pontos (18 gols)
Cristiano Ronaldo (POR, Juventus) – 36 pontos (18 gols)
4º – Mohamed Salah (EGI, Liverpool) – 34 pontos (17 gols)
Edinson Cavani (URU, Paris Saint-Germain) – 34 pontos (17 gols)
Sergio Agüero (ARG, Manchester City) – 34 pontos (17 gols)
7º – Fabio Quagliarella (ITA, Sampdoria) – 32 pontos (16 gols)
Nicolas Pépé (CMF, Lille) – 32 pontos (16 gols)
Duván Zapata (COL, Atalanta) – 32 pontos (16 gols)
10º – Mbaye Diagne (SEN, Kasimpasa) – 31,5 pontos (21 gols)
Robert Skov (DIN, Copenhague) – 31,5 pontos (21 gols)


Mais de Cidadãos do Mundo

5 sul-americanos desempregados para reforçar seu time ainda no 1º semestre
Por onde andam 5 "bad boys" famosos do futebol mundial?
Por onde andam 7 ex-jogadores do Milan que "sumiram"?
Messi é o "garçom" da temporada europeia; veja os top 10 em assistências

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Mais Blog do Rafael Reis