Topo

Com "2 meses de gols", italiano tira Lewa da liderança da Chuteira de Ouro

Rafael Reis

03/12/2019 04h20

A Chuteira de Ouro tem um novo líder. Com os dois gols anotados na vitória por 3 a 0 da Lazio sobre a Udinese, no domingo, Ciro Immobile saltou para a primeira colocação do prêmio concedido ao principal goleador dos campeonatos nacionais da Europa na temporada.

Para chegar à ponta, o centroavante italiano se beneficiou do segundo jogo consecutivo de Robert Lewandowski sem marcar. Na derrota por 2 a 1 do Bayern de Munique ante o Bayer Leverkusen, o polonês passou em branco e, com isso, deixou o topo do ranking.

Crédito: Divulgação

Agora, Immobile soma 17 gols na primeira divisão do Calcio e 34 pontos na Chuteira de Ouro, dois a mais que Lewa, autor de 16 tentos no Campeonato Alemão. O estoniano Erik Sorga (Flora Tallinn), com 31 pontos, completa o pódio.

Aos 29 anos, o novo líder da Chuteira de Ouro vive uma temporada especial. Ele marcou nas últimas nove rodadas do Campeonato Italiano e não passa uma partida sem balançar as redes desde 25 de setembro, quando foi derrotado pela Inter de Milão.

Em busca do seu primeiro prêmio de goleador da Europa, Immobile já foi o artilheiro máximo da terra da Azzurra em duas oportunidades. Na temporada 2013/14, marcou 22 vezes. Em 2017/18, foram 29 gols.

Ao contrário do camisa 17 da Lazio, o Brasil não está nada bem na Chuteira de Ouro. O brasileiro mais bem classificado no ranking é o pouco conhecido atacante Paulinho, que atua no BK Häcken, da Suécia, e ocupa a modesta 37ª posição, com 16,5 pontos.

O país pentacampeão mundial de futebol não fatura o prêmio desde 2001/02, quando Jardel (Sporting) foi o goleador máximo da temporada. O ex-centroavante de Palmeiras e Grêmio também levantou a taça em 1998/99. Além dele, apenas Ronaldo (1996/97) já colocou o Brasil no lugar mais alto do pódio.

O atual campeão da Chuteira de Ouro é o argentino Lionel Messi, que levantou o troféu nas últimas três temporadas. O camisa 10 do Barcelona é também o recordista de vitórias: seis (2010, 2012, 2013, 2017, 2018 e 2019).

Nesta temporada, prejudicado por um início cheio de problemas físicos e vários jogos como desfalque para a equipe catalã, o craque ainda ocupa somente a 29ª colocação, com 18 pontos.

"Blog do Rafael Reis" publica a cada terça-feira uma nova parcial da disputa.

Confira o top 10 da Chuteira de Ouro

1º – Ciro Immobile (ITA, Lazio) – 34 pontos (17 gols)
2º – Robert Lewandowski (POL, Bayern de Munique) – 32 pontos (16 gols)
3º – Erik Sorga (EST, Flora Tallinn) – 31 pontos (31 gols)
4º – Ilia Shrukin (BLR, Energetik-BGU Minks) – 28,5 pontos (19 gols)
5º – Timo Werner (ALE, RB Leipzig) – 26 pontos (13 gols)
Jamie Vardy (ING, Leicester) – 26 pontos (13 gols)
7º – Kamil Wilczek (POL, Bröndby) – 24 pontos (16 gols)
8º – Erling Brunt Haaland (NOR, Red Bull Salzburg) – 22,5 pontos (15 gols)
Jean-Pierre Nsame (CAM, Young Boys) – 22,5 pontos (15 gols)
Mohamed Buya Turay (SRL, Djurgardens) – 22,5 pontos (15 gols)
Shon Weissman (ISR, Wolfsberger) – 22,5 pontos (15 gols)


Mais de Cidadãos do Mundo

CR7 é o rei do Instagram; conheça os 10 jogadores com mais seguidores
Aos 38 e sem clube, Ibra vira protagonista da janela de transferências
7 destaques do futebol sul-americano para seu time contratar em 2020
Como a magia negra virou problema para carreira do artilheiro do Sueco

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Blog do Rafael Reis