Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

Por onde andam 7 brasileiros que jogaram no Real Madrid?

Rafael Reis

05/09/2019 04h20

É difícil contar a história dos principais clubes da Europa sem citar jogadores brasileiros. Afinal, os representantes do futebol pentacampeão mundial vêm há décadas desempenhando papel de destaque no Velho Continente.

Muitos deles foram protagonistas, os caras que brilharam nos momentos mais importantes. Mas também houve vários brasileiros que tiveram função de coadjuvante e até mesmo aqueles que se tornaram grandes decepções.

Desde a última quinta-feira e ao longo dos próximos meses, o "Blog do Rafael Reis" vai contar essa história.

Semanalmente, mostramos alguns brasileiros, de todos os tipos e qualidades, que passaram pelos clubes mais poderosos da Europa. Também identificaremos o que eles andam fazendo da vida atualmente.

Nesta semana, vamos abordar sete jogadores tupiniquins que vestiram em algum momento da carreira a camisa do Real Madrid. Na próxima quinta, será a vez do Atlético de Madri, o outro clube grande da capital espanhola.

RONALDO
Ex-atacante
42 anos

Crédito: Denis Doyle/Getty Images

Apesar de Ronaldo também ter jogado no Barcelona, foi o Real Madrid que ele defendeu mais tempo no futebol espanhol, criando uma identificação maior. O Fenômeno foi contratado logo após a conquista da Copa do Mundo de 2002 e vestiu o uniforme branco durante cinco temporadas, período no qual ganhou dois títulos espanhóis. Mais de uma década depois de deixar o Real, Ronaldo ainda tem negócios no país e é dono do Valladolid, clube da primeira divisão do Campeonato Espanhol. Nos últimos anos, também vinha trabalhando como comentarista da TV Globo em jogos da seleção brasileira.

ROBERTO CARLOS
Ex-lateral esquerdo
46 anos

Crédito: Getty Images

Símbolo do madridismo durante as décadas de 1990 e 2000, carrega até hoje uma porção de recordes. O brasileiro é o estrangeiro que mais defendeu o Real em todos os tempos, com 527 partidas oficiais espalhadas por 11 temporadas. Depois de pendurar as chuteiras, Roberto Carlos se aventurou como técnico e comandou times na Rússia, na Turquia e na Índia. A nova carreira está parada desde 2015. Hoje, o ex-lateral atua no Real como uma espécie de embaixador internacional do clube e também como coordenador da base.

EVARISTO DE MACEDO
Ex-atacante
86 anos

Crédito: Divulgação

Um dos primeiros brasileiros a fazerem sucesso no futebol europeu, Evaristo trocou a possibilidade de ganhar duas Copas do Mundo (1958 e 1962) pelo desafio de desbravar a Espanha. O ex-atacante atuou nos dois maiores clubes do país e conquistou três títulos nacionais pelo Real Madrid. Depois de aposentado, teve uma longa carreira como treinador, com direito a passagens por vários dos maiores times do Brasil. Já octogenário, o ex-atacante não tem mais nenhum cargo formal em clubes de futebol, mas de vez em quando aparece na TV para contar suas histórias e analisar jogos contemporâneos.

SÁVIO
Ex-atacante
45 anos

Crédito: Getty Images

Formado nas categorias de base do Flamengo e integrante do "melhor ataque do mundo" formado pelo clube carioca em 1995 (ao lado de Romário e Edmundo), foi jogador do Real Madrid durante 1998 e 2003. Sávio participou da conquista de três edições da Liga dos Campeões da Europa (1998, 2000 e 2002), apesar de ter sido reserva durante a maior parte da sua estadia na capital espanhola. Hoje em dia, Sávio até participa da administração de carreira de alguns jogadores, mas sua atividade principal é a direção de uma empresa de investimento imobiliário e gestão financeira.

WILLIAN JOSÉ
Atacante
27 anos

Crédito: Divulgação

Talvez você não se lembre, mas o ex-jogador de São Paulo e Grêmio já vestiu a camisa do Real Madrid. Willian José passou a maior parte do primeiro semestre de 2014 atuando no Castilla, mas chegou a disputar uma partida na equipe principal. Cinco anos depois, o atacante é um dos brasileiros mais consolidados no futebol espanhol. Pela Real Sociedad, clube que defende há mais de três anos, já disputou 111 partidas oficiais, marcou 45 gols e até descolou uma convocação para a seleção.

LUCAS SILVA
Volante
26 anos

Crédito: Javier Soriano/AFP

Contratado pelo Real em 2015 como uma das grandes revelações do futebol brasileiro, o volante flopou bonito em Madri. Lucas Silva só disputou nove partidas com a camisa merengue e passou a maior parte dos últimos quatro anos sendo emprestado para outras equipes (Olympique de Marselha, em 2015/2016, e Cruzeiro, de 2017 até junho passado). Nesta semana, o brasileiro teve seu contrato rescindido pelo clube mais vitorioso da história da Liga dos Campeões e ficou livre para decidir qual será seu futuro.

FLÁVIO CONCEIÇÃO
Ex-meia
45 anos

Crédito: Reprodução

Mais conhecido pelo período em que defendeu o Palmeiras, o meio-campista que foi convocado (e depois cortado) para a Copa-1998 também fez parte do Real Madrid na "era dos galácticos". Flávio Conceição desembarcou no clube em 2000 e por lá permaneceu durante quatro temporadas. Bastante discreto, ele não costuma aparecer muito na imprensa. O ex-jogador trabalha com empreendimentos imobiliários e também é presidente de um clube no interior paulista, o Nova Odessa.


Mais de Brasileiros pelo Mundo

Como a China planeja virar um "Brasil B" para voltar à Copa do Mundo
Como Campeonato Inglês pode mexer com o posto de camisa 9 da seleção
Por onde andam 7 brasileiros que jogaram no Barcelona?
Maior da história, janela chega a R$ 29 bi; veja os brasileiros mais caros

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Mais Blog do Rafael Reis