Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

Conheça os reforços mais caros da história dos maiores clubes da Europa

Rafael Reis

11/07/2019 04h00

Para Atlético de Madri, Bayern de Munique, Tottenham e Borussia Dortmund, a atual janela de transferências já entrou para a história. Afinal, foi no Mercado da Bola para a temporada 2019/20 que esses clubes realizaram suas contratações mais caras em todos os tempos.

Mas, e os outros times do primeiro escalão do futebol europeu? Qual será o grande negócio da história de cada um deles? E quando essas transações foram fechadas?

O "Blog do Rafael Reis" apresenta abaixo uma lista com a contratações mais caras já realizadas por 20 das equipes mais poderosas do Velho Continente.

A maioria dessas transferências é bastante recente e rolou há, no máximo, dois ou três anos. Mas, pode acreditar, há clube importante no cenário internacional cujo recorde de investimento em um só jogador é ainda do século passado.

O REFORÇO MAIS CARO DA HISTÓRIA DE CADA CLUBE

Crédito: Montagem

PARIS SAINT-GERMAIN: Neymar (BRA, 2017), 222 milhões de euros
BARCELONA: Philippe Coutinho (BRA, 2018), 160 milhões de euros
ATLÉTICO DE MADRI: João Félix (POR, 2019), 126 milhões de euros
JUVENTUS: Cristiano Ronaldo (POR, 2018), 117 milhões de euros
MANCHESTER UNITED: Paul Pogba (FRA, 2016), 105 milhões de euros
REAL MADRID: Gareth Bale (GAL, 2013), 101 milhões de euros
LIVERPOOL: Virgil van Dijk (HOL, 2018), 84,7 milhões de euros
BAYERN DE MUNIQUE: Lucas Hernández (FRA, 2019), 80 milhões de euros
CHELSEA: Kepa Arrizabalaga (ESP, 2018), 80 milhões de euros
MANCHESTER CITY: Kevin de Bruyne (BEL, 2015), 76 milhões de euros
ARSENAL: Pierre-Emerick Aubameyang (GAB, 2018), 63,8 milhões de euros
TOTTENHAM: Tanguy N'Dombélé (FRA, 2019), 60 milhões de euros
INTER DE MILÃO: Christian Vieri (ITA, 1999), 46,5 milhões de euros
MILAN: Leonardo Bonucci (ITA, 2017), 42 milhões de euros
NAPOLI: Gonzalo Higuaín (ARG, 2013), 39 milhões de euros
ROMA: Gabriel Batistuta (ARG, 2000), 36,2 milhões de euros
BORUSSIA DORTMUND: Mats Hummels (ALE, 2019), 30,5 milhões de euros
BENFICA: Raúl Jiménez (MEX, 2015), 22 milhões de euros
PORTO: Óliver Torres (ESP, 2017) e Giannelli Imbula (FRA, 2015), 20 milhões de euros
AJAX: Miralem Sulejmani (SER, 2008), 16,3 milhões de euros

Fonte: Transfermarkt


Mais de Clubes

– PSG nunca vendeu jogador 100% titular desde que ficou milionário
– Conheça os times que subiram para a 1ª divisão nas maiores ligas europeias
– Rainha dos reforços grátis, Juve monta meio de R$ 500 mi sem gastar nada
– Janela mal abriu e já movimentou R$ 10,6 bi; veja as 10 ligas mais gastonas

 

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Mais Blog do Rafael Reis