PUBLICIDADE
Topo

Argentina bate Brasil e tem os nomes mais caros da Libertadores; veja lista

Rafael Reis

04/03/2019 04h00

Pela primeira vez nos últimos três anos, o futebol brasileiro não possui o jogador mais valioso da Libertadores.

De acordo com o site "Transfermarkt", especializado na cobertura do Mercado da Bola, os dois atletas mais caros da competição sul-americana nesta temporada são argentinos e estiveram na final da edição anterior.

O meia Exequiel Palacios, campeão com o River Plate em 2018, e o atacante Cristian Pavón, vice com o Boca, lideram o ranking. Cada um deles tem valor de mercado estimado em 20 milhões de euros (R$ 86,4 milhões).

O primeiro, que se recupera de uma lesão e só deve estrear em abril, chegou a ter um namoro avançado com o Real Madrid no segundo semestre do ano passado e surpreendeu ao anunciar que permaneceria no River para disputar esta Libertadores.

Já Pavón tem no currículo a participação na Copa do Mundo-2018 e também já recebeu sondagens do futebol europeu, em especial do Arsenal. Mas, pelo menos até a próxima janela de transferências, continua no Boca.

A dupla argentina deixou para trás Luan, do Grêmio. Na avaliação do "Transfermarkt", o atacante brasileiro havia sido o jogador mais valioso das duas edições anteriores da Libertadores. Mas, desta vez, caiu para o terceiro lugar, com avaliação de 18 milhões de euros (R$ 78 milhões).

Apesar de ter saído do topo, o futebol brasileiro ainda é maioria no top 10 dos atletas mais caros da competição. A lista tem seis jogadores que atuam por aqui e quatro que defendem clubes argentinos.

O Boca é o time com mais atletas no ranking. Além de Pavón, conta com o atacante Darío Benedetto, na quarta colocação, e com o meia uruguaio Nahitan Nández, em décimo.

Palmeiras (Dudu e Ricardo Goulart), Grêmio (Luan e Everton) e Flamengo (Gabigol e De Arrascaeta) possuem dois jogadores cada na relação. O River, de Palacios, apenas um.

A última vez em que o Brasil não teve foi o jogador mais caro do principal torneio de clubes da América do Sul foi em 2016, quando o posto foi ocupado pelo argentino Carlos Tevez, que havia acabado de retornar da Juventus para o Boca. Naquele ano, Paulo Henrique Ganso, então no São Paulo e hoje no Fluminense, ficou no segundo lugar.

A fase de grupos da Libertadores-2019 começa nesta terça-feira, com cinco jogos. Os primeiros brasileiros a estrear são o Flamengo, que visita o San José da Bolívia, e o Athletico-PR, que mede forças contra o Tolima.

Além dos dois rubro-negros, outros cinco times do país estão na briga pelo título continental: Cruzeiro, Palmeiras, Internacional, Grêmio e Atlético-MG. O São Paulo caiu ainda nas fases preliminares do torneio.

Conheça os 10 jogadores mais valiosos da Libertadores

1º – Cristian Pavón
Atacante
23 anos
Argentino
Boca Juniors (ARG)
20 milhões de euros

Crédito: David Fernández/Efe

Exequiel Palacios
Meia
20 anos
Argentino
River Plate (ARG)
20 milhões de euros

Crédito: Sergio Pérez/Reuters

3º – Luan
Meia-atacante
25 anos
Brasileiro
Grêmio (BRA)
18 milhões de euros

Crédito: Lucas Sabino/Agif

4º – Darío Benedetto
Atacante
28 anos
Argentino
Boca Juniors (ARG)
15 milhões de euros

Crédito: Natacha Pisarenko/AP

Dudu
Meia-atacante
27 anos
Brasileiro
Palmeiras (BRA)
15 milhões de euros

Crédito: Marcello Zambrana/Agif

Everton
Atacante
22 anos
Brasileiro
Grêmio (BRA)
15 milhões de euros

Crédito: Divulgação

Ricardo Goulart
Meia-atacante
27 anos
Brasileiro
Palmeiras (BRA)
15 milhões de euros

Crédito: Divulgação

8º – Gabigol
Atacante
22 anos
Brasileiro
Flamengo (BRA)
13 milhões de euros

Crédito: Divulgação

Giorgian de Arrascaeta
Meia
24 anos
Uruguaio
Flamengo (BRA)
13 milhões de euros

Crédito: Divulgação

10º – Nahitan Nández
Meia
23 anos
Uruguaio
Boca Juniors (ARG)
12,5 milhões de euros

Crédito: AFP

Mais de Cidadãos do Mundo

"Hulk" do futebol já fez gol no Liverpool e virou astro graças aos músculos
Por onde andam 7 ex-jogadores do Napoli que sumiram?
Reforços à vista: 7 caras novas da temporada 2019 do Campeonato Chinês
CR7 vacila e perde contato com Messi e Mbappé na briga por Chuteira de Ouro

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Rafael Reis