Blog do Rafael Reis

Pato recupera fome de gol na China e tem melhor média em 10 anos

Rafael Reis

Azar no amor, sorte no jogo.

Em meio ao fim do relacionamento de três anos com a modelo e atriz Fiorella Mattheis, anunciado na última terça-feira, o atacante brasileiro Alexandre Pato reencontrou o caminho do gol.

Depois de fracassar com as camisas de Chelsea e Villarreal, o ex-jogador de São Paulo e Corinthians virou um dos principais homens-gol do Campeonato Chinês nesta temporada.

Nas primeiras 15 partidas pelo Tianjin Quanjian, clube que pagou 18 milhões de euros (R$ 56,2 milhões) para contar com seu futebol, o paranaense já balançou as redes oito vezes. Sua média de gols (0,53 por partida) é a mais alta dos últimos dez anos.

Desde que deixou o Internacional, em 2007, como um adolescente que parecia fadado a construir uma carreira de sucesso na seleção, Pato não comemorava gols com tanta frequência.

No Milan, onde ficou por quase seis temporadas, o brasileiro teve média de 0,42 gol por jogo. O segundo melhor desempenho foi no São Paulo (0,39). No Corinthians e no Villarreal, as marcas foram parecidas, algo em torno de 0,27.

Já as estatísticas do Chelsea não devem nem ser consideradas. Afinal, a passagem de Pato pela Inglaterra praticamente não existiu. Durante o semestre que vestiu a camisa azul, o atacante só entrou em campo duas vezes e marcou um gol, de pênalti.

No Quanjian, clube que estreia na primeira divisão chinesa e que conquistou a Série B na temporada passada com um elenco repleto de brasileiros (Jadson, Luís Fabiano e Geuvânio), Pato é o camisa 10 e a maior referência ofensiva.

O centroavante responde por 38% dos 21 gols anotados por seu time no campeonato e é o principal responsável pela boa campanha da equipe, quinta colocada, com 25 pontos, 12 a menos que o Guangzhou Evergrande, líder e atual hexacampeão nacional.

Foi justamente contra o Evergrande, time dirigido por Luiz Felipe Scolari e que conta com os brasileiros Paulinho, Alan e Ricardo Goulart, que Pato fez sua obra-prima desde a chegada ao Oriente.

No encontro entre as duas equipes, no último domingo, Pato recebeu a bola antes da linha do meio-campo, atravessou toda a intermediária adversária, driblou dois marcadores e anotou um golaço na vitória por 4 a 3 do Quanjian.

''Hoje fizemos um pedaço da história do futebol chinês! E essa vitória é muito importante para a história do Tianjin Quanjian! Obrigado a todos”, postou o jogador, em sua conta no Instagram.


Mais de Brasileiros pelo Mundo

– 5 brasileiros sem contrato para seu time se reforçar no 2º semestre
– Denilson tirou recorde de Ronaldo e já foi jogador mais caro do mundo
– Já começou: os 10 brasileiros mais caros desta janela de transferências
– Seleção dos reforços mais caros da história tem só 1 brasileiro; veja time