PUBLICIDADE
Topo

Immobile aproveita férias de Lewandowski e alcança topo da Chuteira de Ouro

Rafael Reis

07/01/2020 04h20

O atacante italiano Ciro Immobile aproveitou o recesso de fim de ano do Campeonato Alemão para alcançar o polonês Robert Lewandowski e se unir a ele na liderança da Chuteira de Ouro.

Enquanto o centroavante do Bayern de Munique descansava para a segunda metade da temporada, o camisa 17 da Lazio marcou duas vezes na vitória por 2 a 1 da equipe romana sobre o Brescia, no domingo, e chegou ao topo do ranking dos maiores goleadores das ligas nacionais da Europa em 2019/2020.

Crédito: Divulgação

Immobile e Lewandowski têm agora 38 pontos, resultado dos 19 gols que cada um deles marcou no campeonato que disputa. A vantagem para o alemão Timo Werner, do RB Leipzig, terceiro colocado na disputa, é mínima: de apenas dois pontos, ou uma bola na rede.

No próximo fim de semana, o italiano terá a chance de assumir isoladamente a liderança, já que a Lazio enfrenta o Napoli, no sábado, e seus dois principais rivais pela Chuteira de Ouro continuarão descansando.

A primeira divisão alemã teve sua rodada mais recente disputada em 21 de dezembro e ficará de férias até 17 de janeiro. Lewa voltará a campo pela Bundesliga no dia 19, quando o Bayern visita o Hertha Berlim. Werner joga um dia antes, contra o Union Berlim, mas em casa.

Immobile também teve direito a uma relaxada de fim de ano, mas ela foi menor. A Lazio ficou sem compromissos pelo Campeonato Italiano de 16 de dezembro, quando bateu o Cagliari por 2 a 1, até o último fim de semana.

Quem não está nada bem na disputa pelo prêmio é o Brasil. O representante do país mais bem classificado no ranking desta temporada é o atacante João Pedro, do italiano Cagliari, que ocupa a 21ª posição, com 22 pontos.

O país pentacampeão mundial de futebol não fatura a taça desde 2001/2002, quando Jardel (Sporting) foi o goleador máximo da temporada. O ex-centroavante de Palmeiras e Grêmio também levantou o troféu em 1998/1999. Além dele, apenas Ronaldo (1996/1997) já colocou o Brasil no lugar mais alto do pódio.

O recordista da Chuteira de Ouro é argentino Lionel Messi, que já levantou o troféu em seis oportunidades (2010, 2012, 2013, 2017, 2018 e 2019) e é o atual campeão. Desta vez, o camisa 10 do Barcelona é o sétimo, com 13 gols e 26 pontos.

"Blog do Rafael Reis" publica a cada terça-feira uma nova parcial da disputa.

Confira o top 10 da Chuteira de Ouro

1º – Ciro Immobile (ITA, Lazio) – 38 pontos (19 gols)
Robert Lewandowski (POL, Bayern de Munique) – 38 pontos (19 gols)
3º – Timo Werner (ALE, RB Leipzig) – 36 pontos (18 gols)
4º – Jamie Vardy (ING, Leicester) – 34 pontos (17 gols)
5º – Erik Sorga (EST, Flora Tallinn) – 31 pontos (31 gols)
6º – Ilia Shrukin (BLR, Energetik-BGU Minks) – 28,5 pontos (19 gols)
7º – Danny Ings (ING, Southampton) – 26 pontos (13 gols)
Lionel Messi (ARG, Barcelona) – 26 pontos (13 gols)
Pierre-Emerick Aubameyang (GAB, Arsenal) – 26 pontos (13 gols)
Wissam Ben Yedder (FRA, Monaco) – 26 pontos (13 gols)


Mais de Cidadãos do Mundo

7 garotos para acompanhar de perto no futebol mundial em 2020
Neymar lidera e CR7 é o 2º; veja os mais caros do mundo em vendas agregadas
7 astros estrangeiros que já podem assinar com um novo time para julho
Primeira final de 2020 terá Zico contra Iniesta

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Rafael Reis