PUBLICIDADE
Topo

7 garotos para acompanhar de perto no futebol mundial em 2020

Rafael Reis

06/01/2020 04h00

No futebol, a renovação é constante. Obviamente, não é todo dia que surgem novos Messis ou Cristianos Ronaldos. Mas, a cada temporada, vários novos talentos ganham espaço em clubes grandes e despontam para o estrelato.

Com 2020, não será diferente. Ao longo dos próximos 12 meses, veremos inúmeros meninos ganhando a primeira chance como profissionais, protagonizando transferências milionárias e saindo do papel de fã para o de ídolo.

O "Blog do Rafael Reis" apresenta abaixo sete garotos que merecem ser acompanhados de perto neste novo ano.

Se você tem mais tempo para dedicar às jovens promessas, pode ampliar um pouco a lista com jogadores que estão dando seus primeiros passos, como o espanhol Ansu Fati (Barcelona) e o holandês Joshua Zirkzee, ou um pouco mais consolidados, casos dos brasileiros Rodrygo e Vinícius Júnior (Real Madrid).

GABRIEL VERON
Atacante
17 anos
Brasileiro
Palmeiras (BRA)

Crédito: Divulgação

Principal nome do título mundial sub-17 conquistado pela seleção brasileira no ano passado, deixou a competição com o prêmio de melhor jogador e o passaporte carimbado para o time de cima do Palmeiras. O atacante, que é muito bom no um contra um e costuma jogar pelos lados do campo, estreou como profissional no final de novembro e já marcou duas vezes desde então. Com a redução no volume de contratações do clube alviverde para 2020, Veron virou uma das principais esperanças do torcedor palmeirense para a nova temporada.

ERLING BRAUT HAALAND
Atacante
19 anos
Norueguês
Borussia Dortmund (ALE)

Crédito: Divulgação

Filho de um ex-jogador do Manchester City, o centroavante norueguês domina como poucos a arte de balançar as redes. Em maio, Haaland marcou nove vezes em uma mesma partida do Mundial sub-20. No primeiro semestre da atual temporada, fez 16 gols no Campeonato Austríaco e oito na Liga dos Campeões, competição que o tem atualmente como vice-artilheiro. O sucesso estrondoso no Red Bull Salzburg encheu os olhos do Borussia Dortmund, que pagou 45 milhões de euros (R$ 203 milhões), entre compra dos direitos econômicos e comissões, pelo jogador.

REINIER
Meia-atacante
17 anos
Brasileiro
Flamengo (BRA)

Crédito: Thiago Ribeiro/Agif

Principal revelação do Flamengo no ano passado, não foi para o Mundial sub-17 porque o técnico Jorge Jesus queria utilizá-lo na equipe profissional. Com futebol muitas vezes comparado ao de Kaká (ex-São Paulo, Real Madrid e Milan), Reinier rapidamente despertou a cobiça dos clubes do primeiro escalão europeu. O garoto chegou a conversar com o Barcelona, mas agora está praticamente certo no Real. O negócio deve movimentar 30 milhões de euros (R$ 136 milhões).

EDUARDO CAMAVINGA
Volante
17 anos
Francês
Rennes (FRA)

Crédito: AFP

Nascido em Angola e naturalizado francês, o volante estreou como profissional quando tinha apenas 16 anos e chamou a atenção do planeta ao ter uma atuação impecável na vitória por 2 a 1 do Rennes sobre o Paris Saint-Germain, pela segunda rodada do Campeonato Francês, lá em agosto. Desde então, não perdeu o ritmo. A prova disso é que foi escolhido pela tradicional revista "France Football" como melhor jogador da primeira metade da temporada da Ligue 1, deixando para trás astros do calibre de Neymar, Kylian Mbappé e Ángel di María. Nos últimos meses, Camavinga vem sendo alvo de rumores de que pode se mudar em breve para o Real Madrid.

GABRIEL MARTINELLI
Atacante
18 anos
Brasileiro
Arsenal (ING)

Crédito: Getty Images

Contratado pelo Arsenal diretamente do Ituano, sem passar por nenhum grande clube brasileiro, o atacante tem sido uma das sensações dos Gunners na temporada. Apesar de ainda não ser titular e de raramente ter oportunidades nas partidas mais importantes, Martinelli já soma oito gols e é o vice-artilheiro da equipe inglesa em 2019/20. Suas boas atuações foram premiadas com a convocação para o Pré-Olímpico. Mas o atacante acabou cortado da relação final porque não foi liberado pelo Arsenal. Prova do prestígio que já alcançou por lá.

DANI OLMO
Meia
21 anos
Espanhol
Dínamo Zagreb (CRO)

Crédito: Dan Mullan/Getty Images

Ver um jogador que atua em uma liga de terceiro escalão da Europa, como a da Croácia, ser convocado para uma seleção do porte da Espanha é algo raro. Mas foi isso que aconteceu com Dani Olmo. Em novembro, o garoto formado nas categorias menores do Barcelona, mas que atua no Dínamo Zagreb desde 2015, estreou pela equipe adulta da Roja e já meteu gol contra Malta. Mas, para a surpresa de ninguém, o meia não deve continuar no futebol croata. O Barça deseja repatriá-lo já nesta janela de transferências.

MASON GREENWOOD
Atacante
18 anos
Inglês
Manchester United (ING)

Crédito: Divulgação

Um dos poucos motivos de alegria para o torcedor do Manchester United dos últimos tempos, o inglês foi um fenômeno nas categorias de base do clube e vem tendo um bom início de trajetória como profissional. Mesmo com todos os problemas que os "Red Devils" vêm enfrentando, Greenwood fez oito gols nos seus primeiros 27 jogos no futebol dos adultos, uma marca considerável até mesmo para atacantes de maior experiência.


Mais de Cidadãos do Mundo

Neymar lidera e CR7 é o 2º; veja os mais caros do mundo em vendas agregadas
7 astros estrangeiros que já podem assinar com um novo time para julho
Primeira final de 2020 terá Zico contra Iniesta
Relembre 7 jogadores famosos que se aposentaram em 2019

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Rafael Reis