Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

"Novo CR7" nasceu rico, viajava 1.300 km para treinar e vale R$ 530 milhões

Rafael Reis

27/04/2019 04h00

A próxima janela de transferências promete ser movimentada para a estrela portuguesa da vez. De acordo com diferentes veículos da imprensa europeia, Juventus, Manchester City, Barcelona e Real Madrid estão dispostos a pagar verdadeiras fortunas para contar com seu futebol a partir de agosto.

Bem, é claro que não estamos falando do CR7 original, que continua firme e forte na Juve. Quem promete "quebrar" o Mercado da Bola nos próximos meses é o garoto que vem sendo apontado como sucessor do astro no protagonismo da seleção portuguesa.

Crédito: Divulgação

João Félix, ou o "novo Cristiano Ronaldo", tem só 19 anos e ainda nem completou sua primeira temporada no time adulto do Benfica. Mas o que tem feito dentro de campo já foi suficiente para cativar a atenção de alguns dos principais clubes do planeta.

Em seus primeiros 39 jogos como profissional, o menino anotou 18 gols, marca que o Ronaldo verdadeiro demorou três temporadas inteiras e mais de 110 partidas no início da carreira para atingir.

No começo do mês, quando marcou três vezes na vitória por 4 a 2 sobre o Eintracht Frankfurt, Félix tornou-se também o jogador mais jovem a conseguir um hat-trick em uma partida da Liga Europa desde que ela assumiu seu nome atual, em 2009.

Apesar de ter se profissionalizado no Benfica, a nova sensação do futebol português poderia muito estar vestindo hoje a camisa de uma outra potência do país, o Porto.

O "novo CR7" jogou nas categorias de base do clube do norte de Portugal durante seis temporadas, dos nove aos 15 anos. Era um tempo em que viajava 1.300 km por semana para realizar o sonho de jogar futebol.

Como Félix morava em Viseu, cidade localizada a cerca de 130 km do Porto, e tinha quatro treinos e um jogo por semana no clube escolhido para sua formação, uma parte considerável do fim da sua infância e do início da adolescência foi vivido nas estradas.

A sorte do garoto é que seus pais tinham condições financeiras e também disponibilidade de tempo para bancar essa pesada rotina. Ao contrário da maioria dos jogadores de futebol, inclusive de Cristiano Ronaldo, o jovem astro do Benfica não teve problemas com dinheiro na infância, pois vem de uma família mais rica.

Filho de um ex-atleta profissional de futebol e preparador físico com uma professora, Félix deixou o Porto em 2015 porque não estava contente com a pouca utilização pelo treinador de sua categoria. Meses depois, assinou com o Benfica.

Nem quatro anos se passaram desde então, e hoje o garoto vale uma fortuna e faz parte da lista de reforços que Cristiano Ronaldo pediu à Juventus para a próxima temporada.

O clube português promete que não cederá o menino na próxima janela de transferências a menos que algum time pague os 120 milhões de euros (R$ 530 milhões) da multa rescisória. Alguém duvida que isso pode realmente acontecer?


Mais de Cidadãos do Mundo

Por onde andam 7 ídolos históricos do Manchester City?
Autismo, vômitos, hormônios: 5 histórias mal contadas sobre Messi
Com show, Mbappé se aproxima de Messi e reabre briga por Chuteira de Ouro
7 sul-americanos com contrato no fim que já podem assinar com seu time

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Blog do Rafael Reis