Blog do Rafael Reis

Aos 19, Mbappé é melhor na seleção que Messi e Cristiano Ronaldo

Rafael Reis

Vinte e seis jogos, dez gols e o principal: um título mundial conquistado com papel de protagonista. Aos 19 anos e 10 meses, Kylian Mbappé já tem currículo de gente grande pela seleção francesa.

Tão grande que seu início de trajetória pelos Bleus é mais rico do que as histórias que foram construídas pelos mais valiosos jogadores do primeiro escalão do futebol mundial contemporâneo quando tinham a mesma idade.

O português Cristiano Ronaldo, o argentino Lionel Messi e o brasileiro Neymar não tinham o mesmo número de partidas que Mbappé por suas seleções antes do 20º aniversário. A quantidade de gols marcados com as camisas nacionais também fica abaixo das bolas metidas nas redes pelo jovem astro francês.

CR7 é quem mais se aproxima do camisa 7 do Paris Saint-Germain no jogos disputados pela seleção como sub-19. O pentacampeão do prêmio de melhor jogador do mundo foi a campo 20 vezes por Portugal nessa condição.

Já na força goleadora, o melhor do grupo é Neymar. O hoje companheiro de ataque de Mbappé marcou oito vezes pela seleção brasileira antes de chegar aos 20 anos.

O craque do futebol pentacampeão mundial é também o único que supera o francês na frequência de gols com a camisa nacional durante a juventude. Quando tinha a idade do jovem astro, o brasuca ostentava média de 0,53 bola na rede por partida.

Os números do francês ficam um pouco abaixo: 0,38 gol por jogo. Ele, no entanto, possui no currículo algo que os rivais até hoje não conseguiram: o título mais importante de todos, o da Copa do Mundo.

O craque, que teve uma atuação de gala nas oitavas de final, contra a Argentina, foi apenas o segundo jogador sub-20 da história a marcar na decisão da competição. Além dele, somente um tal de Pelé conseguiu o feito (em 1958).

Rei da precocidade, Mbappé estreou pela seleção principal na vitória por 3 a 1 sobre Luxemburgo, em 25 de março de 2017, quando tinha 18 anos, três meses e cinco dias. O primeiro gol demorou cinco meses (e cinco partidas): saiu nos minutos finais do 4 a 0 aplicado sobre a Holanda, em agosto do mesmo ano.

O atacante é o segundo jogador mais novo da história a jogar pela equipe adulta francesa (perde para Maryan Wisniewski, que fez sua estreia aos 18 anos e dois meses na década de 1950) e o mais jovem a balanças as redes desde 1963.

Com Mbappé como estrela, a França visita a Holanda, nesta sexta-feira, pela penúltima rodada do Grupo 1 da Liga das Nações. Os atuais campeões mundiais só precisam de um empate para assegurar a classificação para a fase final da competição europeia.

CRAQUES AOS 19 ANOS (POR SUAS SELEÇÕES)

Kylian Mbappé (FRA) – 26 jogos, 10 gols (0,38 gol por partida)
Cristiano Ronaldo (POR) – 20 jogos, 7 gols (0,35 gol por partida)
Neymar (BRA) – 15 jogos, 8 gols (0,53 gol por partida)
Lionel Messi (ARG) – 14 jogos, 4 gols (0,29 gol por partida)


Mais de Cidadãos do Mundo

Zagueiro do Uruguai que vai enfrentar o Brasil faz faculdade e anda de ônibus
Garoto de 14 anos já atrai o City, mas precisa ir à escola para poder jogar
Rivais do Brasil, Suárez e Cavani são amigos de infância: verdade ou lenda?
5 destaques da final da Libertadores que devem pintar na Europa em breve