Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

Cuauthémoc Blanco entra para política e é investigado em caso de corrupção

Rafael Reis

20/09/2016 06h00

Um dos maiores ídolos da história do futebol mexicano, o ex-meia Cuauthémoc Blanco, 43, entrou para a vida política há somente ano e já se envolveu em seu primeiro grande caso de corrupção.

O ex-jogador e prefeito de Cuernavaca desde janeiro é acusado de ter sido "contratado" pelo PSD (Partido Social Democrata) por 7 milhões de pesos mexicanos (pouco mais de R$ 1,1 milhão) para disputar a prefeitura da cidade de 350 mil habitantes na eleição de 2015.

Blanco

O programa "10 em punto", da TV Univision, chegou a exibir o contrato que teria sido assinado pelo ex-camisa 10 da seleção mexicana para entrar na vida pública e participar do pleito.

De acordo com a lei mexicana, esse tipo de transação é crime e pode ser punido com até 22 anos de prisão.

Blanco, evidentemente nega as acusações, e acusa a oposição de ter forjado sua assinatura e o documento que comprovaria o pagamento.

"Querem a minha renúncia, mas motivo algum me fará abandonar esse cargo. Fechei um compromisso com os cidadãos porque sou uma pessoa honesta. Recebi ameaças de morte, mas não tenho medo de ninguém", rebateu.

Além desse caso, a Justiça mexicana investiga outra denúncia envolvendo o ex-jogador. O prefeito de Cuernavaca é acusado de estar usando dinheiro público para fazer repasses mensais a oito familiares, incluindo sua mãe, irmãos e padrasto.

Batizado com o nome de um histórico governante do Império Azteca, Blanco atuou pela seleção mexicana por 19 anos (entre 1995 e 2014) e disputou três edições da Copa do Mundo.

O meia, que chegou a ter uma passagem pelo Valladolid, da Espanha, passou a maior parte da carreira jogando na liga mexicana e é o segundo maior artilheiro da história do América, com 153 gols.

Ídolo nacional e, principalmente, da torcida do América, Blanco abandonou o futebol profissional no ano passado, mas chegou a disputar uma partida do Torneio Clausura de 2016, quando já era prefeito de Cuernavaca, como parte das comemorações do centenário do clube.


Mais de Cidadãos do Mundo

Traído mais famoso do futebol evita redes sociais e lucra com pôquer
Geração anos 1990 domina bancos de reservas da Champions
Sozinho, Messi vale mais que elencos de 12 times da Champions
Desemprego e 2ª divisão: 5 campeões mundiais que estão no ostracismo

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Mais Blog do Rafael Reis