Blog do Rafael Reis

Arquivo : valdés

5 contratações “malucas” para seu clube fazer no 2º semestre
Comentários Comente

Rafael Reis

Os clubes brasileiros costumam ser conservadores na hora das compras. Jogadores locais ou, no máximo, sul-americanos são os únicos que costumam ter vez na lista de reforços dos times do futebol pentacampeão mundial.

Mas, vez ou outra, algum dirigente “sai da casinha” e vai atrás de algum nome que foge desse perfil. Foi assim que Petkovic, Seedorf, Cobi Jones, Fran Mérida, Freddy Adu, Bruno Pereirinha e Kazim acabaram desembarcando aqui.

A “loucura” mais recente foi feita pelo Coritiba. Na última terça-feira, o clube paranaense anunciou a chegada do meia alemão Alexander Baumjohann, ex-Bayern de Munique, Hertha Berlin e Schalke 04.

Conheça abaixo outras cinco opções de “contratações malucas” para clubes brasileiros neste segundo semestre. E o melhor, todos esses jogadores estão sem contrato, ou seja, livres para assinar sem o pagamento dos seus direitos econômicos.

VÍCTOR VALDÉS
Goleiro
Espanhol
35 anos
Último clube: Middlesbrough (ING)

Dono da meta do Barcelona durante a “era Guardiola” e campeão mundial com a seleção espanhola em 2010, o veterano foi rebaixado na Inglaterra na última temporada e decidiu não renovar contrato com o Middlesbrough. O goleiro ainda tem mercado na Europa e interessa a clubes como Olympique de Marselha e La Coruña. Mas, casado com uma colombiana, Valdés talvez possa ser seduzido com a possibilidade de jogar na América do Sul.

KEISUKE HONDA
Meia
Japonês
31 anos
Último clube: Milan (ITA)

O meia-atacante japonês parecia estar a um passo de se tornar um grande astro do futebol mundial quando assinou com o Milan, em 2014. Três anos depois, Honda deixou o clube italiano um tanto quanto queimado por não conseguir transformar essa promessa em realidade. O ex-camisa 10 milanista tem proposta do Las Palmas, da Espanha. Mas a veneração que os japoneses têm pelo futebol brasileiro poderia arrastá-lo para cá.

HOLGER BADSTUBER
Zagueiro
Alemão
28 anos
Último clube: Bayern de Munique (ALE)

Um dos zagueiros mais talentosos de sua geração, Badstuber tinha tudo para estar na seleção alemã e ser titular de um dos times mais fortes do mundo. No entanto, uma sequência inacabável de problemas físicos tem atrapalhado o desenvolvimento de sua carreira. Liberado pelo Bayern, clube com quem tinha contrato desde a adolescência, o alemão busca agora um novo time para recomeçar.

GIUSEPPE ROSSI
Atacante
Italiano
30 anos
Último clube: Celta (ESP)

Assim como Badstuber, trata-se de outro talento que o futebol tem perdido para as contusões. O atacante, que já foi visto como a esperança do futebol italiano, costuma jogar pouco. Mas, quando joga, joga bem. Na última temporada, disputou 29 partidas e fez seis gols pelo Celta antes de sofrer uma ruptura no ligamento cruzado do joelho. Após a lesão, o clube espanhol optou por não renovar seu contrato.

DENNIS AOGO
Lateral esquerdo
Alemão
30 anos
Último clube: Schalke 04 (ALE)

Ex-jogador da seleção alemã, fez parte do elenco que foi terceiro colocado na Copa do Mundo-2010. Apesar do início de carreira promissor, Aogo não conseguiu manter o bom desempenho por muito tempo e perdeu espaço nas últimas temporadas. Na última edição do Campeonato Alemão, o lateral esquerdo disputou apenas sete partidas pelo Schalke 04. Não à toa, acabou liberado pelo clube de Gelsenkirchen.


Mais de Cidadãos do Mundo

Por onde andam os jogadores da estreia de Messi no Barcelona?
Rival do Palmeiras, “Guardiola uruguaio” montou time histórico do Barcelona
Conheça os reforços mais caros da história dos 20 maiores clubes da Europa
Por onde andam os jogadores da estreia de Cristiano Ronaldo no Real?


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>