Blog do Rafael Reis

Arquivo : sterling

7 jogadores da Copa-2018 que já tiveram problemas com a Justiça
Comentários Comente

Rafael Reis

Jogadores de futebol, especialmente os de primeiro escalão que estarão em campo a partir desta quinta-feira (14) na Copa do Mundo-2018, são ídolos endeusados por crianças, adolescentes e adultos.

Mas, por mais talento que eles demonstrem com a bola nos pés, também são pessoas normais, que acertam e erram no dia a dia de suas vidas pessoais. E esses erros muitas vezes os levam a responder processos judiciais.

Apresentamos abaixo sete jogadores de futebol inscritos no Mundial da Rússia que já tiveram problemas judiciais. E, sim, a dupla que vem protagonizando o futebol na última década faz parte desta lista.

LIONEL MESSI
Meia-atacante
30 anos
Barcelona (ESP)
Argentina

O melhor jogador do mundo em 2009, 2010, 2011, 2012 e 2015 chegou a ser condenado a 21 meses de prisão no ano passado por ter sonegado 4,1 milhões de euros (R$ 18,2 milhões) em impostos ao Fisco espanhol entre 2007 e 2009. A pena do craque da seleção argentina e do Barcelona foi posteriormente reduzida para uma multa superior a 500 mil euros (R$ 2,2 milhões).

CRISTIANO RONALDO
Atacante
33 anos
Real Madrid (POR)
Portugal

Também eleito cinco vezes o melhor do planeta (2008, 2013, 2014, 2016 e 2017), o astro português também tem problemas com a Justiça espanhola em virtude de fraudes fiscais. Cristiano Ronaldo é acusado de ter deixado de pagar 14,7 milhões de euros (R$ 55,6 milhões) em impostos e chegou a ter a prisão pedida por uma das chefes da Receita espanhola. O caso de CR7, no entanto, ainda não foi julgado.

NEYMAR
Atacante
26 anos
Paris Saint-Germain (FRA)
Brasil

O camisa 10 da seleção de Tite na Copa da Rússia-2018 enfrentou processos judiciais por questões fiscais no Brasil e também na Espanha. Por aqui, o craque é acusado de ter usado empresas que possui em sociedade com o pai para deixar de pagar R$ 63,6 milhões em impostos entre 2012 e 2014. Já na Europa, chegou a ter a prisão solicitada pela promotoria espanhola por supostas fraudes na transferência do Santos para o Barcelona. Ambos os casos ainda não foram julgados.

JAVIER MASCHERANO
Zagueiro-volante
34 anos
Hebei Fortune (CHN)
Argentina

O que não falta são jogadores com problemas judiciais por sonegação de impostos, principalmente na Espanha. Em 2015, quando ainda atuava no Barcelona, Mascherano admitiu ter cometido fraude fiscal no valor de 1,5 milhão de euros (R$ 6,7 milhões) entre 2011 e 2012. Condenado a um ano de prisão, pagou multa de 816 mil euros (R$ 3,6 milhões) e escapou da cadeia.

RAHEEM STERLING
Atacante
23 anos
Manchester City (ING)
Inglaterra

A sonegação de impostos é o mais frequente, mas não o único motivo que lega jogadores de futebol a terem problemas judiciais. Um dos principais nomes da seleção inglesa, Raheem Sterling foi acusado duas vezes de agressão a mulheres com quem estava se relacionando. Em ambos os casos, o atacante acabou absolvido.

FABIAN DELPH
Meia
28 anos
Manchester City (ING)
Inglaterra

O problema no meio-campista do English Team foi misturar álcool com direção. Em 2008, quando ainda estava no início da carreira e defendia o Leeds United, ele foi preso por conduzir um veículo com mais quatro pessoas sob efeito de bebida. Delph foi julgado, considerado culpado e condenado a pagar uma multa de 1.400 libras (R$ 7.100).

MANUEL DA COSTA
Zagueiro
32 anos
Basaksehir (TUR)
Marrocos

O zagueiro nascido na França, que defendeu as seleções de base de Portugal e hoje faz parte do elenco de Marrocos, tem um histórico cheio de problemas disciplinares. Em 2011, ele foi indiciado por assédio sexual e agressão contra uma garota em uma boate na Inglaterra. Da primeira acusação, ele escapou. Mas, na segunda, acabou condenado. Da Costa também já foi preso por dirigir sob efeito de álcool.


Mais de Cidadãos do Mundo

Coisa de brasileiro? 7 jogadores da Copa que são conhecidos pelo apelido
Polêmica sobre masturbação encerrou casamento de rival de estreia do Brasil
Comparado a Maradona em 94, saudita ficou preso e foi açoitado em público
Sem contrato: 7 jogadores que vão ficar desempregados durante a Copa


Agressões e bebedeiras: City tem 3 jogadores com passagem pela polícia
Comentários Comente

Rafael Reis

Líder do Campeonato Inglês, com 28 pontos nas primeiras dez rodadas, e com 100% de aproveitamento na Liga dos Campeões da Europa, o Manchester City conta com um dos elencos mais ricos e admirados do planeta.

Gabriel Jesus, Kevin de Bruyne, Sergio Agüero e David Silva, todos titulares de algumas das seleções mais importantes do mundo, são só alguns dos jogadores que o técnico Pep Guardiola tem em mãos.

Mas a carreira de sucesso construída por essas estrelas dentro de campo e admiração que elas provocam em torcedores espalhados por todos os cantos da Terra não significa que o elenco do City seja formado apenas por anjinhos de comportamento exemplar.

Dos 24 atletas que fazem parte do elenco principal do clube inglês na atual temporada, pelo menos três possuem ficha suja na polícia e já foram detidos pelo menos uma vez ao longo da vida.

Co-artilheiro do time em 2017/18, com sete gols, mesma marca de Agüero, o inglês Raheem Sterling é quem possui o histórico mais recheado de problemas policiais.

O camisa 7 do City já foi acusado duas vezes de agressão a mulheres. Em agosto de 2013, quando era uma jovem promessa de 18 anos que começava a despontar no Liverpool, ele chegou a ser preso por supostamente ter batido na modelo Shana Rose, então sua namorada.

Na época, o garoto já respondia por um processo semelhante, de agressão a uma outra mulher com quem teria se relacionado.

O jogador, que ainda na adolescência chegou a ouvir de um professor que se não mudasse de comportamento chegaria aos 17 anos preso ou na seleção inglesa, acabou absolvido das duas acusações.

Já o meia marfinense Yaya Touré, que foi treinado pela primeira vez por Guardiola no Barcelona e veste a camisa do City desde 2010, carrega uma condenação no currículo.

O veterano de 34 anos está impedido de dirigir até o meio do próximo ano e foi multado em 54 mil libras (R$ 234 mil) por ter sido flagrado em novembro de 2016 dirigindo sob efeito de álcool e com o dobro da velocidade permitida.

Touré, que é muçulmano e diz não consumir nenhum tipo de bebida alcoólica, alegou que possivelmente havia consumido um refrigerante “batizado”. Mas a desculpa não foi suficiente para evitar que ele visitasse a delegacia e recebesse a maior multa por dirigir bêbado da história do Reino Unido.

O também meia Fabian Delph foi outro jogador do elenco do City que se deu mal por conciliar álcool e direção. Em 2008, quando ainda defendia o Leeds United, ele foi preso por conduzir um veículo com mais quatro pessoas sob efeito de bebida.

Assim como Touré, Delph também foi julgado e considerado culpado do delito. Sua multa, no entanto, foi bem inferior à recebida pelo companheiro de time: 1.400 libras (R$ 6 mil, na conversão atual).


Mais de Clubes

– TV brasileira mostra mais PSG que Corinthians e Palmeiras juntos
– De atriz pornô a Homem-Aranha: os 7 patrocínios mais bizarros do futebol
– Clube belga monitora atividades (até sexuais) de jogadores e gera polêmica
– Brasileiro é a liga relevante do planeta com menor presença de estrangeiros


5 jogadores que se envolveram em confusões com garotas de programa
Comentários Comente

Rafael Reis

Futebol e escândalos sexuais são uma combinação histórica. Desde que o esporte se popularizou pelo mundo todo, no início do século passado, há relatos de jogadores se envolvendo em polêmicas com garotas de programa, adultérios, orgias e, muito mais grave, abusos sexuais e até estupros.

Com os atletas contemporâneos, não é diferente. Alguns dos grandes nomes do futebol mundial, astros endinheirados e que ostentam imensas legiões de fãs, também já se meteram em escândalos desse tipo.

Conheça abaixo cinco jogadores em atividade que se envolveram em confusões (de diferentes proporções) com garotas de programa ao longo de suas carreiras.

KARIM BENZEMA

Antes mesmo do caso de extorsão contra o meia Mathieu Valbuena, que provocou a interrupção de sua carreira na seleção francesa, o centroavante do Real Madrid já havia tido problemas com a Justiça em virtude de um escândalo sexual. Em 2010, Benzema foi acusado de ter tido relações sexuais com uma garota de programa chamada Zahia Dehar, que tinha apenas 16 anos na época. O jogador negou ter contratado os serviços da acompanhante. E acabou absolvido em 2014 pela Corte Criminal de Paris.

FRANCK RIBÉRY

Ex-companheiro de Benzema na seleção francesa, o jogador do Bayern de Munique também esteve envolvido no caso “Zahia Dehar”. Ao contrário do centroavante, porém, Ribéry admitiu ter tido relações com a garota de programa. No entanto, alegou que não sabia que ela era menor de idade e que, portanto, não estava cometendo um crime. A Justiça francesa aceitou sua argumentação de defesa e acabou o absolvendo.

OUSMANE DRAMÉ

O meia-atacante do Moreirense, de Portugal, envolveu-se em um escândalo em 2013, quando defendia o Lecce, da Itália. O jogador acabou preso sob acusação de ter roubado uma garota de programa com que se relacionara pouco antes. De acordo com a acompanhante, Dramé disse que não tinha dinheiro para o programa e prometeu pagar pelo serviço com seu celular. No entanto, após o sexo, ele fugiu sem lhe entregar o aparelho e, de quebra, levou também a bolsa dela.

WAYNE ROONEY

O hoje camisa 10 do Everton quase viu seu casamento chegar ao fim quando uma garota de programa inglesa chamada Jenny Thompson revelou em 2010 ter sido contratada diversas vezes pelo atacante, inclusive para sessões de ménage-a-trois. O jogador é casado há nove anos com a escritoria Coleen Rooney e tem três filhos com ela.

RAHEEM STERLING

Segunda contratação mais cara da história do Manchester City, o atacante foi acusado de calote por uma garota de programa. De acordo com a prostituta, que não teve a identidade revelada, Sterling se recusou a pagar os 3.300 euros (R$ 12.200) relativos a seu serviço durante a pré-temporada do City nos EUA, em julho deste ano, e só lhe entregou 1.500 euros (R$ 5.600) depois de muita discussão com ela.


Mais de Cidadãos do Mundo

A janela fechou, e esses 7 jogadores famosos ainda estão desempregados
Por vaga na Copa-2018, seleções resgatam veteranos esquecidos
Cruyff, Guardiola e Catalunha: Neymar reencontra Barça em 3º jogo pelo PSG
De calote a garota de programa e traições: astro do City acumula polêmicas


De calote a garota de programa a traições: astro do City acumula polêmicas
Comentários Comente

Rafael Reis

Segunda contratação mais cara da história do Manchester City, o atacante inglês Raheem Sterling saiu da pré-temporada do clube nos Estados Unidos com uma fama nada honrosa: a de caloteiro de garota de programa.

O jogador de 22 anos foi acusado por uma acompanhante norte-americana, descrita pelo tabloide inglês “The Sun” como sósia da socialite Kim Kardashian, de usufruir dos seus serviços e não pagar o valor combinado previamente.

Segundo a prostituta norte-americana, que não teve a identidade divulgada, o atacante se recusou a pagar os 3.300 euros (R$ 12.200 mil) referentes ao programa, alegando que “havia ficado muito bêbado e não se lembrava do que havia acontecido”.

Ainda de acordo com a garota, Sterling deixou o hotel em Los Angeles onde ocorreu o encontro e, só depois de muita discussão via Whatsapp, enviou-lhe 1.500 euros (cerca de R$ 5.600), menos da metade do valor do serviço.

Revoltada com aquilo que chamou de “atitude mesquinha” do atacante, a norte-americana resolveu contar a história para o “Sun”, um jornal famoso na Inglaterra por vasculhar a vida dos famosos, entre eles, astros do futebol mundial.

O caso repercutiu bastante na imprensa inglesa durante o último mês. Isso porque Sterling está longe de ser um novato em escândalos sexuais.

Apesar do longo relacionamento com Paige Milian, sua namorada desde a adolescência e mãe do seu filho, Thiago, o atacante já foi flagrado em pelo menos dois momentos de infidelidade.

No ano passado, quando sua mulher já estava grávida, o astro do Manchester City viajou de férias para a Jamaica ao lado de um affair, a modelo Elise Wagstaff, e sua irmã, que também trabalha no ramo da moda.

Meses antes, ele havia sido visto em um hotel de luxo ao lado da também modelo Tabby Brown, ex-namorada de Mario Balotelli.

Sterling é cria do Liverpool e foi contratado pelo City em 2015 por 62,5 milhões de euros (R$ 232 milhões, na cotação atual). De acordo com a imprensa inglesa, seu salário é de aproximadamente 196 mil euros (R$ 728 mil) semanais.

Apesar dos altos valores que o cercam, o camisa 7 está longe de ser uma unanimidade no time azul de Manchester. Na temporada passada, ele fez apenas 10 gols em 47 partidas. Na atual, começou no banco nas duas rodadas já disputadas do Campeonato Inglês.


Mais de Cidadãos do Mundo

Janela de transferências vira a maior da história e movimenta R$ 14,9 bi
5 novelas para acompanhar nos últimos 10 dias da janela de transferências
Novo Mbappé? 7 garotos que podem estourar na nova temporada europeia
Como surgiu a lenda que meia do PSG é uma mulher?


Marquinhos é o único brasileiro na seleção dos sub-23 mais caros do mundo
Comentários Comente

Rafael Reis

Titular do Paris Saint-Germain e da seleção aos 22 anos, o zagueiro Marquinhos é o único brasileiro na equipe dos jogadores sub-23 mais valiosos do futebol mundial.

De acordo com o “Transfermarkt”, site especializado no mercado da bola, o ex-atleta Corinthians está avaliado em 32 milhões de euros (R$ 111,5 milhões) e é um dos dois zagueiros com até 23 anos do planeta com maior valor de mercado.

Entre os defensores de área, Marquinhos só é superado pelo inglês John Stones, contratado no início da temporada pelo Manchester City a pedido de Pep Guardiola, que vale 35 milhões de euros (R$ 122 milhões).

Os ingleses, aliás, são maioria entre os jovens mais caros do planeta. São cinco jogadores entre os 11 titulares da equipe: Luke Shaw (Manchester United), Raheem Sterling (Manchester City), Dele Alli e Harry Kane (Tottenham), além de Stones.

Ainda segundo o “Transfermarkt”, a seleção sub-23 dos mais valiosos do mundo está avaliada em 377 milhões de euros (R$ 1,3 bilhão).

Os jogadores nascidos a partir de maio de 1994 mais caros são o argentino Paulo Dybala, sensação da Juventus, e o inglês Harry Kane, artilheiro do Tottenham. Cada um deles tem valor de mercado estimado em 50 milhões de euros (R$ 174 milhões).

Único brasileiro na relação dos garotos mais bem avaliados no mercado internacional, Marquinhos é também um dos quatro remanescentes levantamento semelhante feito em maio do ano passado.

Além do zagueiro do PSG, apenas Stones, Dybala e Sterling faziam parte da seleção dos jogadores sub-23 mais caros do planeta em 2016 e continuam no time da atual temporada.

Marquinhos trocou o Corinthians pela Europa em 2012 e, após uma temporada na Roma, transferiu-se para o Paris Saint-Germain. O zagueiro está há tempos na lista de desejos do Barcelona, mas continua firme na França.

Campeão olímpico na Rio-2016, o defensor estreou pela seleção principal em um amistoso contra Honduras, em novembro de 2013. Desde a chegada de Tite, tem sido titular absoluto da equipe pentacampeã mundial.

Conheça a seleção sub-23 dos mais caros do mundo (por posição):

G – Gianluigi Donnarumma (ITA, Milan) – 20 milhões de euros
LD – Héctor Bellerín (ESP, Arsenal) – 25 milhões de euros
Z – Marquinhos (BRA, PSG) – 32 milhões de euros
Z – John Stones (ING, Manchester City) – 35 milhões de euros
LE – Luke Shaw (ING, Manchester United) – 20 milhões de euros
MC – Sául Ñíguez (ESP, Atlético de Madri) – 35 milhões de euros
MC – Dele Alli (ING, Tottenham) – 40 milhões de euros
MAD – Bernardo Silva (POR, Monaco) – 25 milhões de euros
MAC – Paulo Dybala (ARG, Juventus) – 50 milhões de euros
MAE – Raheem Sterling (ING, Manchester City) – 45 milhões de euros
A – Harry Kane (ING, Tottenham) – 50 milhões de euros


Mais de Brasileiros pelo Mundo

5 jogadores brasileiros que já são campeões nacionais nesta temporada
6 brasileiros que terminam a temporada em baixa e podem retornar ao Brasil
– Cão de guarda, Casemiro é o recordista de carrinhos no futebol europeu
– Faz falta? Barcelona é 13% melhor sem Neymar nesta temporada


Geração saúde? 7 jogadores de sucesso que foram flagrados fumando cigarro
Comentários Comente

Rafael Reis

Esporte é saúde. Mas isso não significa que todos os esportistas, mesmo aqueles de alto rendimento, levem uma vida 100% regrada e totalmente saudável.

A história do futebol está cheia de atletas que sucumbiram ao vício. Garrincha exagerou no álcool e morreu antes de completar 50 anos, Maradona quase teve a vida abreviada pela cocaína. E esses são só dois dos mais conhecidos casos.

O cigarro também faz parte desse mundo. Zidane, Ronaldo, Sócrates, Marcos… vários são os ex-jogadores de alto nível que foram flagrados em algum momento da carreira consumindo tabaco.

Conheça abaixo sete jogadores, ainda em atividade, que também fazem parte desse grupo que pouco tem a ver o esporte saudável: o de atletas que são fumantes assumidos ou foram flagrados fumando cigarro.

GIANLUIGI BUFFON
Goleiro
39 anos
Italiano
Juventus (ITA)

Um dos melhores goleiros de todos os tempos, Buffon nunca negou ser fumante, mas sempre alegou que só faz uso do cigarro quando está de folga. No entanto, duas semanas atrás, o ex-atacante argentino naturalizado italiano Pablo Daniel Osvaldo afirmou em uma entrevista em sua terra natal que costumava fumar ao lado do arqueiro da Juventus nos vestiários da seleção italiana.

WAYNE ROONEY
Atacante
31 anos
Inglês
Manchester United (ING)

Nem o próprio Wayne Rooney deve se lembrar da quantidade exata de vezes que fotos suas fumando foram publicadas por tablóides ingleses ao lado de manchetes com dizeres como “exclusivo”. O atacante chegou a provocar a fúria do então técnico do Manchester United, Alex Ferguson, quando os primeiros flagras foram publicados. No entanto, acabou se acostumando com isso.

MARIO BALOTELLI
Atacante
26 anos
Italiano
Nice (FRA)

Surpreendente seria se o atacante problema do futebol italiano não fosse fumante. Mario Balotelli acumula incontáveis hábitos poucos saudáveis… e o cigarro é só um deles. Nos tempos de Manchester City, o técnico Roberto Mancini chegou a pedir publicamente para que o atacante parasse de fumar e disse que só toleraria seus cigarros se ele marcasse “dois gols por jogo”.

MESUT ÖZIL
Meia
28 anos
Alemão
Arsenal (ING)

Em 2011, o meia foi flagrado por paparazzi fumando a bordo de um iate em Ibiza, na Espanha, e mandou a seguinte desculpa: “não sou fumante, foi só uma vez, eu estava pagando uma aposta que perdi”. A explicação não colocou, e o episódio pegou muito mal para o alemão no Real Madrid, clube que defendia na época.

RADJA NAINGGOLAN
Meia
28 anos
Belga
Roma (ITA)

O coração do meio-campo da Roma e um dos principais jogadores da seleção da Bélgica é conhecido como chaminé. É que Nainggolan não apenas fuma, ele fuma muito. Fuma tanto que costuma ganhar um quarto especial na concentração da seleção, com direito a sacada, para que ele possa fazer uso do cigarro sem disparar os alarmes de incêndio do hotel.

RAHEEM STERLING
Atacante
22 anos
Inglês
Manchester City

A segunda contratação mais cara da história do Manchester City (62,5 milhões de euros) foi flagrado fumando cigarro e também narguilé na época que defendia o Liverpool. O atacante não gostou da publicação dessas imagens e já disse mais de uma vez que se sente perseguido pela imprensa britânica.

KEVIN-PRINCE BOATENG
Atacante
30 anos
Ganês
Las Palmas (ESP)

O irmão do zagueiro do Bayern de Munique sempre gostou do rótulo de bad boy que carrega desde o início da carreira e faz de tudo para preservá-lo. Em 2014, quando defendia o Schalke 04, Boateng foi flagrado bebendo cerveja, fumando um cigarro e mexendo no celular no vestiário, enquanto esperava ser chamado para o exame antidoping. O episódio provocou a demissão do médico que lhe deu aval para agir assim.


Mais de Cidadãos do Mundo

Por onde andam os jogadores da França que calou o Brasil na Copa de 1998?
Messi abre vantagem recorde e encaminha tetra da Chuteira de Ouro
Filho de pastor, ala do Chelsea teve pais mortos por perseguição religiosa
Quem é a modelo que acusa Cristiano Ronaldo de usar enchimento na cueca?


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>