Blog do Rafael Reis

Arquivo : ederson

“Bom com os pés”, Ederson se destaca nos passes e supera até De Bruyne
Comentários Comente

Rafael Reis

Um dos destaques do Manchester City na temporada, o goleiro brasileiro Ederson foi contratado em julho do Benfica mais pela sua habilidade com os pés do que propriamente pela capacidade de evitar gols adversários.

Mas o que nem o técnico Pep Guardiola imaginava é que o arqueiro de 24 anos acabaria se destacando mais no passe do que o meia Kevin de Bruyne, craque do time e principal articulador das jogadas ofensivas do líder do Campeonato Inglês.

É isso mesmo. Passadas 22 rodadas da Premier League, Ederson tem um índice de acerto de passes superior ao do astro belga, um dos pré-candidatos a melhor jogador da temporada europeia e, consequentemente, do mundo.

De acordo com o “WhoScored?” site especializado nas estatísticas do futebol, o goleiro do City acertou na atual temporada 85,2% dos passes que efetuou. Já De Bruyne só conseguiu entregar para seus companheiros de time 83,3% das bolas que tentou.

Além do belga, outros jogadores importantes da equipe inglesa acertam menos passes que o arqueiro brasileiro. Ente eles, estão os atacantes Raheem Sterling (84,7%), Sergio Agüero (81,2%) e Gabriel Jesus (82,2%), além do meia-atacante alemão Leroy Sané (82,2%).

É evidente que, por atuarem em zonas com marcação mais intensa e terem a obrigação de criar jogadas ofensivas, os passes dados por esses jogadores de ataque têm um grau de dificuldade bem maior do que os de Ederson.

No entanto, na comparação com outros goleiros conhecidos mundialmente por serem “bons com os pés”, o brasileiro do City também leva vantagem.

Marc-André ter Stegen, do Barcelona, uma das referências no fundamento, acertou 81,7% dos passes nesta edição do Campeonato Espanhol. Já o aproveitamento do também alemão Manuel Neuer, do Bayern de Munique, é de 84,5%. Por fim, o espanhol David de Gea, do Manchester United, tem índice de acerto de apenas 56,1%.

Ter um goleiro com bom passe e, consequentemente, capacidade para iniciar as jogadas de sua equipe ainda no campo de defesa é uma das obsessões de Guardiola.

Na temporada passada, o treinador espanhol entregou a missão para o chileno Claudio Bravo, ex-Barcelona, que não deu conta do recado e hoje é reserva. Foi por isso que o clube inglês foi ao mercado no último verão europeu e desembolsou 40 milhões de euros (cerca de R$ 155 milhões) por Ederson.

O hoje reserva da seleção brasileira vem sendo aclamado desde que chegou à Inglaterra. Além dos elogios públicos feitos por Guardiola, ele foi eleito pela revista “FourFourTwo” a melhor contratação da temporada na Premier League.

Com Ederson debaixo da meta e dando o pontapé inicial para as saídas do City rumo ao ataque, o time de Manchester se tornou uma das sensações do futebol europeu em 2017/18.

A equipe lidera o Campeonato Inglês, com 62 pontos conquistados em 66 disputados, avançou para a fase final da Liga dos Campeões com a melhor campanha do seu grupo e só perdeu um dos 33 jogos que disputou na temporada.

Neste domingo, o City visita o Liverpool, quarto colocado da Premier League. No primeiro turno, os comandados de Guardiola aplicaram uma sonora goleada por 5 a 0 nos adversários deste fim de semana.


Mais de Brasileiros pelo Mundo

– Para robôs, Neymar é o melhor do mundo e seleção de 2017/18 tem 3 brasileiros
– Por que o Brasil é o “rei” do mercado na janela de janeiro?
– Com Neymar, ataque do PSG cresce 53% e vira o melhor da Europa
– Coutinho já foi visto como decepção na Europa e esperou 9 meses por 1º gol


Brasileiros já movimentaram R$ 2,2 bi nesta janela; veja os 10 mais caros
Comentários Comente

Rafael Reis

A duas semanas do fechamento da janela de transferências nas principais ligas nacionais da Europa, o Mercado da Bola já movimentou 3,8 bilhões de euros (cerca de R$ 14,2 bilhões) em compras e vendas de jogadores.

Cerca de 15% desse montante foi em transações envolvendo brasileiros. No total, clubes do mundo inteiro gastaram mais de 580 milhões de euros (R$ 2,2 bilhões) em atletas representantes do futebol pentacampeão mundial.

Boa parte desse valor foi gasto com apenas um jogador: Neymar. Contratado por 222 milhões de euros (R$ 831 milhões), o novo camisa 10 do Paris Saint-Germain se tornou a contratação mais cara da história da modalidade.

Além de Neymar, outras dez transferências envolvendo brasileiros superaram a casa dos 10 milhões de euros (R$ 37,4 milhões). O goleiro Ederson e o meia Paulinho, contratados por Manchester City e Barcelona, respectivamente, protagonizaram os maiores negócios.

E a tendência é que as transferências envolvendo brasileiros ainda continuem até o dia 31 de agosto. O nome mais cotado para mudar de time é o meia-atacante Philippe Coutinho.

O astro do Liverpool é o nome favorito do Barcelona para substituir Neymar e nem foi relacionado para o confronto desta terça-feira do clube inglês contra o Hoffenheim, pela fase preliminar da Liga dos Campeões.

Caso seja concretizada a transferência do ex-jogador do Vasco para a Catalunha, o negócio irá movimentar um valor superior a 100 milhões de euros (R$ 374 milhões), proposta que já foi recusada anteriormente pelo Liverpool.

O “Blog do Rafael Reis” publica semanalmente, sempre às terças-feiras, um balanço da janela de transferências da temporada 2017/18, com as principais negociações e valores desembolsados em compras e vendas de jogadores.

Saiba agora tudo que está rolando no Mercado da Bola.

OS 10 BRASILEIROS MAIS CAROS DA TEMPORADA 2017/18
1º – Neymar (Paris Saint-Germain) – 222 milhões de euros
2º – Paulinho (Barcelona) – 40 milhões de euros
Ederson (Manchester City) – 40 milhões de euros
4º – Danilo (Manchester City) – 30 milhões
5º – Dalbert (Inter de Milão) – 20 milhões
6º – Thiago Maia (Lille) – 14 milhões
7º – Bruno Peres (Roma) – 12,5 milhões
8º – Richarlison (Watford) – 12,4 milhões
9º – Douglas (Manchester City) – 12 milhões
10º – Luiz Araújo (Lille) – 10,5 milhões

AS 10 CONTRATAÇÕES MAIS CARAS DA TEMPORADA 2017/18
1º – Neymar (BRA/Paris Saint-Germain) – 222 milhões
2º – Romelu Lukaku (BEL/Manchester United) – 84,7 milhões
3º – Álvaro Morata (ESP/Chelsea) – 65 milhões
4º – Benjamin Mendy (FRA/Manchester City) – 57,5 milhões
5º – Alexander Lacazette (FRA/Arsenal) – 53 milhões
6º – Kyle Walker (ING/Manchester City) – 51 milhões
7º – Bernardo Silva (POR/Manchester City) – 50 milhões
8º – Nemanja Matic (SER/Manchester United) – 44,7 milhões
9º – Leonardo Bonucci (ITA/Milan) – 42 milhões
Mohamed Salah (EGI, Liverpool) – 42 milhões

OS 10 CLUBES QUE MAIS CONTRATARAM NA TEMPORADA 2017/18
1º – Manchester City (ING) – 240,5 milhões
2º – Paris Saint-Germain (FRA) – 238 milhões
3º – Milan (ITA) – 189,5 milhões
4º – Manchester United (ING) – 164,4 milhões
5º – Chelsea (ING) – 140 milhões
6º – Juventus (ITA) – 122,2 milhões
7º – Bayern de Munique (ALE) – 100,5 milhões
8º – Everton (ING) – 98 milhões
9º – Roma (ITA) – 88,6 milhões
10º – Barcelona (ESP) – 87,5 milhões

OS 10 CLUBES QUE MAIS VENDERAM NA TEMPORADA 2017/18
1º – Barcelona (ESP) – 226 milhões
2º – Monaco (FRA) – 178,5 milhões
3º – Juventus (ITA) –122,9 milhões
4º – Chelsea (ING) – 122,8 milhões
5º – Real Madrid (ESP) – 122 milhões
6º – Lyon (FRA) – 119,2 milhões
7º – Benfica (POR) – 114,1 milhões
8º – Roma (ITA) – 108,3 milhões
9º – Everton (ING) – 106,3 milhões
10º – Manchester City (ING) – 79,3 milhões

AS 10 LIGAS QUE MAIS GASTARAM NA TEMPORADA 2017/18
1º – Campeonato Inglês – 1,13 bilhão
2º – Campeonato Italiano – 752,8 milhões
3º – Campeonato Francês – 579,9 milhões
4º – Campeonato Alemão – 471,4 milhões
5º – Campeonato Espanhol – 412,9 milhões
6º – Campeonato Inglês (2ª divisão) – 165,2 milhões
7º – Campeonato Russo – 95,1 milhões
8º – Campeonato Turco – 74,5 milhões
9º – Campeonato Belga – 61,9 milhões
10º – Campeonato Português – 56,5 milhões
TOTAL: 3,8 bilhões de euros (R$ 14,2 bilhões)


Mais de Brasileiros pelo Mundo

– Zagueiro Gil fala em retorno ao Brasil, mas nega prioridade do Corinthians
– 7 crias do Botafogo que estão bombando (ou se deram mal) fora do Brasil
– 1º brasileiro no PSG perdeu tudo e teve de vender até medalha da Copa-1970
– 7 crias do Vasco que estão bombando (ou se perderam) fora do Brasil

 


De Real Madrid a Japão. Os destinos de 7 crias do São Paulo no exterior
Comentários Comente

Rafael Reis

Por onde anda aquele garoto que brilhou nas categorias de base do meu time e logo foi vendido para o exterior? Será que ele virou um jogador importante por lá? Ou será que se tornou apenas mais um dentre tantos brasileiros espalhados pelo Mundo da Bola?

É para responder perguntas como essas que o “Blog do Rafael Reis” mostra desde a semana passada os paradeiros das crias dos 12 maiores clubes do Brasil.

No terceiro capítulo da série, localizamos sete jogadores formados no São Paulo, o clube brasileiro que mais lucrou com venda de atletas na atual janela de transferências. Na próxima sexta-feira, será a vez do Santos.

CASEMIRO
Volante
25 anos
Real Madrid (ESP)

Muito criticado pela torcida são-paulina durante os três anos em que atuou na equipe principal do Morumbi, aproveitou a chance que recebeu de transferir para o time B do Real Madrid para se transformar em um dos melhores volantes do futebol mundial na atualidade. Casemiro já acumula três títulos de Liga dos Campeões pelo Real, é peça essencial no meio-campo do técnico Zinédine Zidane e um dos pilares da seleção brasileira que vai à Copa do Mundo da Rússia em 2018.

LUCAS
Meia-atacante
24 anos
Paris Saint-Germain (FRA)

Ao contrário de Casemiro, seu contemporâneo no São Paulo, sempre jogou muito bem no clube paulista e foi idolatrado pela torcida. Vendido por 40 milhões de euros (R$ 146,5 milhões) para o Paris Saint-Germain, na segunda venda mais cara da história do futebol brasileiro, ainda não conseguiu se tornar na França o jogador de primeiro escalão do futebol mundial que parecia ser. É exatamente por isso que continua fora da seleção.

EDERSON
Goleiro
23 anos
Manchester City (ING)

Pouca gente sabe, mas o goleiro de 40 milhões de euros (R$ 146,5 milhões) que desembarcou no Manchester City a pedido de Pep Guardiola nesta temporada é uma cria das categorias de base do São Paulo. Ederson ficou no CT de Cotia por dois anos. Em 2009, após completar seu 16º aniversário, mudou-se para Portugal e ingressou nas equipes inferiores do Benfica, clube pelo qual se destacou na última temporada europeia.

KAKÁ
Meia
35 anos
Orlando City (EUA)

O último brasileiro a conquistar o prêmio de melhor jogador do mundo (2007) teve duas passagens pelo São Paulo. A primeira começou na adolescência e foi até a venda para o Milan, em 2003. Em 2014, Kaká retornou ao Morumbi por empréstimo e defendeu seu time de coração no Campeonato Brasileiro. Desde o ano seguinte, é uma das principais estrelas da MLS (Major League Soccer), a elite do futebol nos Estados Unidos. Seu contrato com o Orlando City, porém, termina em dezembro.

OSCAR
Meia
25 anos
Shanghai SIPG (CHN)

Apesar de ter sido revelado pelo São Paulo, explodiu para o futebol brasileiro com a camisa do Internacional, para onde se mudou em 2010, após entrar na Justiça contra o clube formador alegando irregularidades no seu contrato. Titular da seleção brasileira na Copa do Mundo-2014, perdeu espaço no time depois de ir para o banco de reservas do Chelsea e, posteriormente, acertar sua transferência para o futebol da China, onde atua hoje em dia.

DAVID NERES
Meia-atacante
20 anos
Ajax (HOL)

Caçulinha da lista, não teve nem tempo de se firmar no São Paulo antes de ser vendido para o Ajax, em janeiro, por 12 milhões de euros (R$ 44 milhões). Em seu primeiro semestre na Europa, disputou apenas 12 jogos pelo time principal, chegou a ser rebaixado para a equipe B, mas participou da partida mais importante da história recente do clube holandês, a decisão da Liga Europa –derrota por 2 a 0 para o Manchester United.

ADEMILSON
Atacante
23 anos
Gamba Osaka (JAP)

Destaque na base do São Paulo e artilheiro brasileiro do Mundial sub-17 de 2011, foi promovido em 2012 ao time principal como promessa de craque. No entanto, Ademilson nunca conseguiu se transformar em realidade no Morumbi. Seu futebol só voltou a aparecer depois que ele encontrou refúgio no Japão. Jogando na Ásia desde 2015, o ex-jogador do São Paulo é hoje uma das estrelas do Gamba Osaka, campeão da J.League em 2014.


Mais de Brasileiros pelo Mundo

– Coutinho e outros 5 listados por Tite que podem mudar de time nesta janela
– O que Guardiola viu em Danilo para buscá-lo na reserva do Real Madrid?
– Sucesso ou decepção? Os destinos de 7 crias do Palmeiras no exterior
– Com valor de Neymar, PSG compraria os outros titulares do Brasil juntos


6 convocados por Tite já trocaram de clube nesta janela; saiba quem
Comentários Comente

Rafael Reis

Há um ano e um mês no comando da seleção brasileira, Tite convocou 54 jogadores diferentes para vestir a camisa amarela em amistosos e jogos das eliminatórias da Copa do Mundo-2018.

Desses, seis já trocaram de clube na atual janela de transferências em busca de melhores oportunidades profissionais ou mais visibilidade para garantir um lugar na equipe que vai à Rússia no próximo ano.

Conheça abaixo os selecionáveis de Tite que movimentaram o Mercado da Bola neste meio de 2017.

DANIEL ALVES
34 anos
Lateral direito
Trocou a Juventus (ITA) pelo Paris Saint-Germain (FRA)

Jogador mais experiente da seleção na atualidade e um dos protagonistas do vice-campeonato europeu da Juventus, o lateral direito pediu para deixar o clube italiano após apenas uma temporada por lá e foi prontamente atendido. Inicialmente, imaginava-se que o destino de Daniel Alves seria o Manchester City, treinado por Pep Guardiola, que o comandou no Barcelona. Mas o lateral preferiu assinar por dois anos com o PSG e virou um dos trunfos do time francês para atrair Neymar.

EDERSON
23 anos
Goleiro
Trocou o Benfica (POR) pelo Manchester City (ING)

Brasileiro mais caro da atual janela de transferências, foi negociado pelo Benfica por 40 milhões de euros (R$ 146 milhões). Contratado a pedido de Guardiola por aliar a técnica de goleiro com talento com a bola nos pés, Ederson estreou pelo Manchester City falhando em um amistoso de pré-temporada contra o Manchester United e já recebeu as primeiras críticas da imprensa inglesa.

DOUGLAS COSTA
26 anos
Meia-atacante
Trocou o Bayern de Munique (ALE) pela Juventus (ITA)

Após uma temporada de estreia sensacional pelo Bayern de Munique, sofreu com problemas físicos, perdeu rendimento e foi parar no banco de reservas do clube alemão. Temendo ficar fora da Copa do Mundo, Douglas Costa tratou rapidamente de arranjar outro clube para jogar e se mandou para a Juventus. Os italianos pagaram 6 milhões de euros (R$ 21,8 milhões) pelo empréstimo do brasileiro por um ano e terão de desembolsar mais 40 milhões de euros (R$ 145,8 milhões) se quiserem ficar com ele após esse período.

DIEGO ALVES
32 anos
Goleiro
Trocou o Valencia (ESP) pelo Flamengo

Famoso pelo recorde de defesas de pênalti que estabeleceu no futebol espanhol, escolheu retornar ao futebol brasileiro depois de dez anos atuando na Europa, apesar de ter um mercado farto por lá. A possibilidade de atuar em um clube de enorme apelo popular na temporada pré-Copa do Mundo e de estar mais perto do técnico Tite certamente pesaram na decisão de Diego Alves.

VITOR HUGO
26 anos
Zagueiro
Trocou o Palmeiras pela Fiorentina (ITA)

Convocado por Tite para o amistoso contra a Colômbia, em janeiro, quando o Brasil utilizou uma seleção formada apenas por jogadores que atuavam no próprio país, o zagueiro já havia comunicado há tempos sua intenção de deixar o Palmeiras rumo à Europa no meio de 2017. A proposta de 8 milhões de euros (R$ 29 milhões) da Fiorentina chegou em um momento em que Vitor Hugo já nem era mais titular absoluto do atual campeão brasileiro.

CAMILO
31 anos
Meia
Trocou o Botafogo pelo Internacional

Outro que fez parte da seleção de locais que enfrentou a Colômbia no início do ano, o meia foi o último selecionável a trocar de clube nesta janela de transferências. Inconformado com a reserva no Botafogo, acabou acertando durante a última semana sua ida para o Internacional, em uma troca com o atacante Brenner, que mudou para o Rio, e agora vai disputar a Série B do Brasileiro.


Mais de Brasileiros pelo Mundo

– O que Guardiola viu em Danilo para buscá-lo na reserva do Real Madrid?
– Sucesso ou decepção? Os destinos de 7 crias do Palmeiras no exterior
– Com valor de Neymar, PSG compraria os outros titulares do Brasil juntos
– Sucesso ou decepção? Os destinos de 7 crias do Corinthians no exterior


Já começou: os 10 brasileiros mais caros desta janela de transferência
Comentários Comente

Rafael Reis

Apesar de faltarem ainda dez dias para a abertura da janela de transferências no futebol europeu, muitos jogadores brasileiros já trocaram de clube e sabem qual camisa irão vestir no segundo semestre de 2017.

O mais caro deles é o goleiro Ederson, um dos destaques do futebol pentacampeão mundial na temporada passada, que deixou o Benfica após proposta de 40 milhões de euros (R$ 147 milhões) apresentada pelo Manchester City.

Entre as dez negociações de brasileiros mais caras desta janela de transferência, há ainda espaço para duas vendas de promessas feitas pelo São Paulo (o atacante Luiz Araújo e o zagueiro Lyanco, que vão para Lille e Torino, respectivamente) e até para uma compra feita por clube daqui: o meia Éverton Ribeiro, resgatado dos Emirados Árabes pelo Flamengo.

Confira logo abaixo o top 10 das maiores transações envolvendo atletas brasileiros nesta temporada.

O “Blog do Rafael Reis” publicada semanalmente, sempre às terças-feiras, um balanço da janela de transferências da temporada 2017/18, com as principais negociações e valores desembolsados em compras e vendas de jogadores.

Saiba agora tudo que está rolando no Mercado da Bola.

OS 10 BRASILEIROS MAIS CAROS DA TEMPORADA 2017/18
1º – Ederson (Manchester City) – 40 milhões de euros
2º – Luiz Araújo (Lille) – 10,5 milhões
3º – Vitor Hugo (Fiorentina) – 8 milhões
Juan Jesus (Roma) – 8 milhões
5º – Éverton Ribeiro (Flamengo) – 6 milhões
6º – Lyanco (Torino) – 5,9 milhões
7º – Marlon (Barcelona) – 5 milhões
William (Wolfsburg) – 5 milhões
9º – Marçal (Lyon) – 4,5 milhões
Guilherme (La Coruña) – 4,5 milhões

DINHEIRO MOVIMENTADO NA JANELA (ING, ESP, ALE, ITA E FRA): 879,8 milhões de euros

AS 10 CONTRATAÇÕES MAIS CARAS DA TEMPORADA 2017/18
1º – Bernardo Silva (POR/Manchester City) – 50 milhões de euros
2º – Corentin Tolisso (FRA/Bayern de Munique) – 41,5 milhões
3º – Ederson (BRA/Manchester City) – 40 milhões
4º – André Silva (POR/Milan) – 38 milhões
5º – Victor Lindelöf (SUE/Manchester United) – 35 milhões
6º – Jordan Pickford (ING/Everton) – 28,5 milhões
7º – Davy Klaasen (ING/Everton) – 27 milhões
8º – Youri Tielemans (FRA/Monaco) – 25 milhões
9º – Kingsley Coman (FRA/Bayern de Munique) – 21 milhões
10º – Juan Cuadrado (COL/Juventus) – 20 milhões
Maximilian Philipp (ALE/Borussia Dortmund) – 20 milhões
Niklas Süle (ALE/Bayern de Munique) – 20 milhões
Nikola Maksimovic (SER/Napoli) – 20 milhões

OS 10 CLUBES QUE MAIS CONTRATARAM NA TEMPORADA 2017/18
1º – Bayern de Munique (ALE) – 90,5 milhões de euros
2º – Manchester City (ING) – 90 milhões
3º – Milan (ITA) – 82 milhões
4º – Everton (ING) – 55,5 milhões
5º – Juventus (ITA) – 47,5 milhões
6º – Borussia Dortmund (ALE) – 44 milhões
7º – Manchester United (ING) – 35 milhões
8º – Napoli (ITA) – 33 milhões
9º – Schalke 04 (ALE) – 31,5 milhões
10º – Villarreal (ESP) – 28 milhões

OS 10 CLUBES QUE MAIS VENDERAM NA TEMPORADA 2017/18
1º – Benfica (POR) – 81 milhões de euros
2º – Monaco (FRA) – 50 milhões
3º – Lyon (FRA) – 43 milhões
4º – Juventus (ITA) – 38,5 milhões
5º – Porto (POR) – 38 milhões
6º – Freiburg (ALE) – 26,5 milhões
7º – Anderlecht (BEL) – 25 milhões
Wolfsburg (ALE) – 25 milhões
9º – Torino (ITA) – 24,1 milhões
10º – Hoffenheim (ALE) – 20 milhões

Fonte: Transfermarkt


Mais de Brasileiros pelo Mundo

– Seleção dos reforços mais caros da história tem só 1 brasileiro; veja time
– Ídolo na Europa, zagueiro brasileiro admite chance de jogar pela Holanda
“Vinícius Jr.” dos anos 2000, Lulinha cita choro e depressão no Corinthians
De Mazzola a Neymar: os 9 brasileiros que marcaram em finais de Champions


Janela nem abriu e já movimentou R$ 2,2 bi; veja os reforços mais caros
Comentários Comente

Rafael Reis

A janela de transferências para a temporada 2017/18 do futebol europeu só será aberta oficialmente no dia 1º de julho. Mas, na prática, as negociações para as contratações de reforços para a próxima edição dos campeonatos nacionais do Velho Continente já estão rolando há bastante tempo.

Faltando ainda quase 20 dias para o início do período de transação de jogadores, as cinco principais ligas nacionais do planeta (Inglaterra, Espanha, Alemanha, Itália e França) já movimentaram mais de 605 milhões de euros (algo em torno de R$ 2,2 bilhões) no mercado de compra e venda de atletas para a vindoura temporada.

A partir desta segunda-feira e até o fim de agosto, o Blog do Rafael Reis publicará semanalmente um resumo de tudo que já rolou e está acontecendo nesta janela de transferências.

Para começar, é hora de saber quais são os dez negócios mais caros já fechados para a temporada 2017/18 e também quais são os clubes que mais investiram em novos jogadores e também os que mais faturaram com transferências até o momento.

AS 10 CONTRATAÇÕES MAIS CARAS DA TEMPORADA 2017/18
1º – Bernardo Silva (POR/Manchester City) – 50 milhões de euros
2º – Ederson (BRA/Manchester City) – 40 milhões
3º – Victor Lindelöf (SUE/Manchester United) – 35 milhões
4º – Youri Tielemans (FRA/Monaco) – 25 milhões
5º – Kingsley Coman (FRA/Bayern de Munique) – 21 milhões
6º – Juan Cuadrado (COL/Juventus) – 20 milhões
Maximilian Philipp (ALE/Borussia Dortmund) – 20 milhões
Niklas Süle (ALE/Bayern de Munique) – 20 milhões
Nikola Maksimovic (SER/Napoli) – 20 milhões
10º – Nabil Bentaleb (ALG/Schalke 04) – 19 milhões

OS 10 CLUBES QUE MAIS CONTRATARAM NA TEMPORADA 2017/18
1º – Manchester City (ING) – 90 milhões de euros
2º – Bayern de Munique (ALE) – 51 milhões
3º – Juventus (ITA) – 47,5 milhões
4º – Borussia Dortmund (ALE) – 44 milhões
Milan (ITA) – 44 milhões
6º – Manchester United (ING) – 35 milhões
7º – Napoli (ITA) – 33 milhões
8º – Schalke 04 (ALE) – 31,5 milhões
9º – Villarreal (ESP) – 28 milhões
10º – Monaco (FRA) – 25 milhões

OS 10 CLUBES QUE MAIS VENDERAM NA TEMPORADA 2017/18
1º – Benfica (POR) – 76,5 milhões de euros
2º – Monaco (FRA) – 50 milhões de euros
3º – Juventus (ITA) – 38,5 milhões
4º – Freiburg (ALE) – 26,5 milhões
5º – Anderlecht (BEL) – 25 milhões
Wolfsburg (ALE) – 25 milhões
7º – Torino (ITA) – 24,1 milhões
8º – Villarreal (ESP) – 18 milhões
9º – Bayern de Munique (ALE) – 17 milhões
Hertha Berlim (ALE) – 17 milhões

Fonte: Transfermarkt


Mais de Cidadãos do Mundo

24 anos depois, por onde andam os jogadores do último título da Argentina?
1º jogador a assumir ser gay sofreu também com racismo e se suicidou
Mais Brasil e “novo Buffon”: saiba quem a Juve quer contratar para 2017/18
Cristiano Ronaldo é só o 19º melhor do mundo? Para estatísticos, sim


7 brasileiros que devem “bombar” na próxima janela de transferências
Comentários Comente

Rafael Reis

A pouco menos de dois meses do encerramento da temporada 2016/17, a imprensa internacional já tem dedicado bastante espaço para as transferências que podem acontecer na próxima janela de transferências.

Que jogadores de primeiro escalão mudarão de clube? Quais serão os reforços mais caros? E as jovens apostas que desembarcarão nos maiores times do planeta e terão a oportunidade da vida? São essas algumas das perguntas que serão respondidas entre o fim de maio e agosto.

Listamos abaixo cinco jogadores brasileiros que devem “bombar” na próxima janela de transferência. Mesmo que acabem não mudando de equipe, certamente irão protagonizar longas negociações a respeito dos seus futuros. E muitas reportagens de “Mercado da Bola”.

PHILIPPE COUTINHO
Meia
24 anos
Liverpool (ING)

Protagonista do Liverpool desde a venda de Luis Suárez para o Barcelona, em 2014, o meia virou titular da seleção brasileira no ano passado e entrou na lista de desejos do clube catalão para a próxima temporada. De acordo com o jornal “Mundo Deportivo”, Neymar vem pedindo constantemente à diretoria a contratação do compatriota e amigo. Coutinho poderia ser um substituto de Iniesta no meio-campo do Barça. Um possível negócio envolvendo o camisa 10 do Liverpool movimentaria pelo menos 70 milhões de euros (R$ 238 milhões).

EDERSON
Goleiro
23 anos
Benfica (POR)

Revelação do gol do Benfica, ganhou a posição do veterano Júlio César durante a temporada, teve atuações de gala na Liga dos Campeões, chegou à seleção brasileira e conquistou Pep Guardiola. Sim, o treinador do Manchester City, incomodado com as atuações abaixo da crítica de Bravo e Caballero, quer ver Ederson vestindo a camisa 1 do clube inglês na próxima temporada. O técnico catalão inclusive já conversou com o arqueiro brasileiro sobre a possibilidade de uma transação.

FELIPE
Zagueiro
27 anos
Porto (POR)

O ex-zagueiro do Corinthians caiu como uma luva no futebol europeu. Logo em sua primeira temporada no exterior, vem ajudando o Porto a ter um dos sistemas defensivos mais sólidos do continente. O resultado desse sucesso não demorou a aparecer. No mês passado, o jornal espanhol “As” publicou que Felipe já tem um acerto verbal para se juntar ao Real Madrid a partir de julho. A proposta enviada ao Porto seria de 30 milhões de euros (R$ 102 milhões).

FABINHO
Volante
23 anos
Monaco (FRA)

Lateral direito de origem e usado como volante por Leonardo Jardim no Monaco, o jogador com passagem pelas categorias de base do Real Madrid é titular absoluto do clube que se tornou sensação da temporada europeia. Fabinho é um dos tantos destaques do Monaco que devem receber propostas valiosas para mudar de ares na próxima temporada. O rumor mais forte é que a Juventus toparia pagar 30 milhões de euros (R$ 102 milhões) para levá-lo para a Itália.

FELIPE ANDERSON
Meia-atacante
23 anos
Lazio (ITA)

Responsável direto pela boa campanha da Lazio, que tem tudo para se classificar para disputar a Liga Europa na próxima temporada, o ex-jogador do Santos é um desejo antigo do Manchester United. No passado, o clube italiano já chegou, inclusive, a recusar uma proposta inglesa de 50 milhões de euros (R$ 170 milhões). Essa história deve ganhar um novo capítulo nos próximos meses.

LUAN
Atacante
24 anos
Grêmio (BRA)

Último integrante do setor ofensivo da seleção que conquistou a inédita medalha de ouro olímpica na Rio-2016 que continua no futebol brasileiro, o atacante do Grêmio é hoje um dos jogadores mais valorizados da América do Sul. Consequentemente, é também um dos mais visados pelos olheiros europeus. Luan já foi citado como alvo de Liverpool, Barcelona e PSG. Até agora, o clube gaúcho o segurou. Por quanto tempo mais conseguirá mantê-lo? Difícil saber.

RAFINHA
Meia
24 anos
Barcelona (ESP)

Titular do Barcelona desde a implantação do esquema com três zagueiros, Rafinha sabe que seu clube deve ir ao mercado na janela de transferências para contratar mais uma estrela que deve devolvê-lo ao banco de reservas. Caso opte por uma mudança de ares para jogar com mais frequência, o brasileiro terá um leque de opções bem interessante em sua frente. Segundo o jornal catalão “Mundo Deportivo”, Juventus, Liverpool e Arsenal gostariam de tê-lo em seus elencos.


 Mais de Brasileiros pelo Mundo

“Rei das estreias”, Pato enfrenta jejum de gols inédito na China
– Neymar sofre recorde de faltas e é o jogador que mais apanha na Europa
– 50% brasileiro, zagueiro da Suíça morou no Rio em busca de “malandragem”
– Atrás de Vágner Love, Neymar está fora do top 100 da Chuteira de Ouro


5 brasileiros que Tite pode perder para outras seleções
Comentários Comente

Rafael Reis

Diego Costa, Thiago Alcântara, Pepe, Thiago Motta e, em um passado nem tão distante assim, Deco. Não é difícil encontrar bons jogadores que o Brasil acabou perdendo para outras seleções.

Por questões pessoais ou, na maioria das vezes, devido a interesses profissionais, o fato é que vários jogadores preferem defender outros países a esperar uma oportunidade de vestir a amarelinha.

Conheça abaixo 5 jogadores que podem seguir o mesmo rumo dos nomes citados acima, deixar o Brasil a ver navios e até enfrentar a seleção dirigida por Tite ao longo dos próximos anos.

EDERSON
Goleiro
23 anos
Benfica (POR)
Quem está de olho: Portugal

Destaque do Benfica na vitória sobre o Borussia Dortmund, pela Liga dos Campeões, e na mira de grandes clubes europeus, como o Manchester City, o arqueiro tem recebido constantes elogios de Taffarel, preparador de goleiros da seleção brasileira. E é bom que esses elogios se transformem rapidamente em convocação, já que Ederson é oficialmente cidadão português desde setembro do ano passado e pode receber um convite para se tornar companheiro de time de Cristiano Ronaldo.

MARLOS
Meia
28 anos
Shakhtar Donetsk (UCR)
Quem está de olho: Ucrânia

Eleito o melhor jogador do futebol ucraniano no ano passado, o meia ex-São Paulo recebeu um convite do técnico Andriy Shevchenko para defender a seleção do país do Leste Europeu… e não descartou a ideia. Marlos, que atua por lá desde 2011, já tem direito à cidadania ucraniana, mas ainda não recebeu o passaporte que o tornará apto a vestir a camisa amarela (não a brasileira, é claro).

JÚNIOR MORAES
Atacante
29 anos
Dínamo de Kiev (UCR)
Quem está de olho: Ucrânia

Artilheiro do Campeonato Ucraniano, o atacante que deu ao Santos o título paulista de 2007 também já conversou com Shevchenko sobre a possibilidade de reforçar a seleção ucraniana na reta final das eliminatórias e, caso se classifique, na Copa do Mundo de 2018. Assim como Marlos, Júnior Moraes não rejeitou a ideia de imediato e prometeu pensar na possibilidade.

MÁRIO FERNANDES
Lateral direito
26 anos
CKSA Moscou (RUS)
Quem está de olho: Rússia

Esse é um caso quase que irreversível para o time de Tite. O ex-gremista, que criou polêmica em 2011 a não se apresentar para uma partida da seleção brasileira, tem tudo para disputar a Copa-2018 pela seleção anfitriã. Mário Fernandes se tornou oficialmente russo em julho e poderá defender o novo país a partir do meio do ano. O lateral é nome praticamente certo nas futuras listas do técnico Stanislav Cherchesov.

JORGINHO
Volante
25 anos
Napoli (ITA)
Quem está de olho: Itália

O volante catarinense, um dos passadores mais eficientes do futebol europeu, até já defendeu a Itália e esteve na lista preliminar para a Eurocopa do ano passado. Mas, como só disputou dois amistosos e não jogou nenhuma partida oficial, Jorginho ainda pode mudar de ideia e atuar pela seleção do país onde nasceu. No entanto, essa mudança é improvável, já que o volante do Napoli sempre manifestou sua vontade de jogar pela Azzurra.


Mais de Brasileiros pelo Mundo

– Herói santista e ”nômade” são os únicos brasileiros artilheiros na Europa
5 brasileiros desempregados no exterior para seu time repatriar
– Napoli usa até drone para tentar eliminar Real da Champions
– Marquinhos vê “melhor temporada da carreira” e pede perfeição contra Barça


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>