Blog do Rafael Reis

Arquivo : dembélé

França larga como favorita para Copa-2022 e deve ter 3 novos titulares
Comentários Comente

Rafael Reis

Campeã da Copa do Mundo pela segunda vez em sua história, a França já larga como principal favorita na disputa do título da próxima edição do torneio mais importante do futebol no planeta.

A quatro anos do pontapé inicial para o Qatar-2022, a equipe do técnico Didier Deschamps é a que parece mais pronta e com maior quantidade de talento à disposição para daqui quatro anos.

A base do time deve ser mantida no novo ciclo. Afinal, apenas cinco dos 23 jogadores campeões mundiais na Rússia já estão na casa dos 30 anos.

E só três dos escalados para iniciar a decisão contra a Croácia, no domingo, têm idade mais elevada e chances menores de permanecer como titulares até a próxima edição do Mundial: o goleiro Hugo Lloris, o meia Blaise Matuidi e o atacante Olivier Giroud, todos de 31 anos.

Só que todos eles já têm uma linha de sucessão razoavelmente montada, que não deve deixar a França desfalcada em um futuro próximo.

No meio-campo, a opção número um para substituir Matudi é Corentin Tolisso, do Bayern de Munique, que também fez parte do elenco campeão mundial e inclusive começou a Copa como titular.

Outro nome que vem despontado bem no futebol francês é pode conquistar essa vaguinha é Houssem Aouar. O meia de 20 anos e origem argelina virou titular do Lyon na última temporada e já entrou na lista de compras do Barcelona e do Liverpool.

O ataque deve ter mudanças no posicionamento das peças. Sem um jogador mais jovem de características semelhantes às de Giroud, a tendência é que Griezmann ou Mbappé passem a ocupar a faixa central da linha de frente.

Com isso, uma vaga pelos lados do deve ser abrir. O favorito para ocupá-la é Ousmane Dembélé, outro que começou a Copa como titular. Nabil Fekir, do Lyon, e Thomas Lemar, recém-transferido para o Atlético de Madri, também são cartas na manga para o setor.

Por fim, o gol. Quem larga na frente pela futura camisa 1 francesa é Alphonse Aréola, banco na Rússia-2018 e titular do Paris Saint-Germain na última temporada. O problema é que ele precisa deixar a capital francesa se quiser jogar depois da contratação de Gianluigi Buffon.

A maior ameaça a Aréola é o garoto Alban Lafont. Tratado como um fenômeno da posição, ele estreou como titular do Toulouse com 16 anos e 10 meses. Menos de três anos depois, acabou de ser negociado com a Fiorentina.

Por fim, há ainda a chance nada desprezível de Lloris, capitão na conquista do bicampeonato mundial, permanecer na meta francesa por mais quatro anos e disputar a Copa do Qatar, a quarta de sua careira, com 35 anos de idade. Em sua posição, isso não chega a ser um problema.

De qualquer forma, qualquer mudança mais drástica no elenco da campeã do Mundial da Rússia só deve acontecer depois da Eurocopa-2020. Até lá, a equipe deve ser muito parecida com a que vimos triunfar ao longo do último mês.

Possível França para 2022: Aréola (Lafont); Pavard, Varane, Umtiti e Lucas Hernández; Kanté, Pogba e Tolisso (Aouar); Dembélé, Mbappé e Griezmann


Mais de Opinião

– Pela 3ª Copa consecutiva, título vai para a melhor seleção do planeta
– Mbappé, Hazard, Kane: Alguém pode tirar prêmio de melhor do mundo de CR7?
– Por que Neymar desperta tanta antipatia?
– Quem vai ganhar a Copa? Sinceramente, não tenho a menor ideia


Futuro do futebol: 7 garotos que merecem sua atenção na Copa-2018
Comentários Comente

Rafael Reis

Lionel Messi, Cristiano Ronaldo, Neymar, Andrés Iniesta, Sergio Ramos, Manuel Neuer, Eden Hazard, Kevin de Bruyne, Antoine Griezmann. A Copa do Mundo está cheia de estrelas consagradas, com anos e anos de sucesso no currículo.

Mas a Rússia-2018 também tem espaço para a próxima geração de protagonistas do futebol mundial. São os vários os jovens de até 21 anos que pretendem aproveitar a competição para escrever seu nome na história do esporte mais popular do planeta.

Apresentamos abaixo sete desses garotos que merecem uma atenção especial durante a Copa. Afinal, o futuro do futebol certamente passa por eles.

KYLIAN MBAPPÉ
Atacante
19 anos
Paris Saint-Germain (FRA)
França

É a grande estrela adolescente da Copa do Mundo. Apesar de só completar seu 20º aniversário em dezembro, já tem três anos de carreira como profissional, brilhou em uma Liga dos Campeões pelo Monaco, protagonizou a segunda transferência mais cara do futebol (180 milhões de euros), é titular indiscutível do Paris Saint-Germain e uma das principais esperanças da França para conquistar seu segundo título mundial. Além de tudo isso, Mbappé é candidato real a conquistar no futuro o prêmio de melhor jogador do planeta.

OUSMANE DEMBÉLÉ
Atacante
21 anos
Barcelona (ESP)
França

Foi contratado pelo Barcelona para substituir Neymar. Só isso já demonstra o tamanho do potencial de Ousmane Dembélé. A cria das categorias de base do Rennes que brilhou no Borussia Dortmund antes de se transferir para a Catalunha é um diamante bruto a ser lapidado. Extremamente rápido e habilidoso, ainda erra muito na hora de tomar decisões e sofre com problemas físicos. Por isso, oscila demais. Mas seu talento é indiscutível.

GABRIEL JESUS
Atacante
21 anos
Manchester City (ING)
Brasil

Artilheiro da seleção brasileira na “era Tite”, resolveu o problema de falta de um “camisa 9” confiável que já assombrava a equipe pentacampeã mundial há alguns anos. Campeão brasileiro pelo Palmeiras em 2016, foi contratado por Pep Guardiola para o Manchester City e se transformou em um jogador importante para o clube inglês. Apesar de se alternar entre o time titular e o banco de reservas, Jesus soma 24 gols em 53 partidas pelo vencedor da última Premier League.

MARCUS RASHFORD
Atacante
20 anos
Manchester United (ING)
Inglaterra

Maior revelação as categorias de base do Manchester United nos últimos anos, surgiu como fenômeno no time principal em 2016 e, desde então, tornou-se uma peça importante no esquema do técnico José Mourinho. Rashord é um atacante completo: movimenta-se bem, tem presença de área, é habilidoso e possui um bom chute de longa distância. Deve começar a Copa como reserva da posição inglesa, mas não será surpresa se ganhar a posição durante o torneio.

TRENT ALEXANDER-ARNOLD
Lateral direito
19 anos
Liverpool (ING)
Inglaterra

Outro integrante da jovem seleção inglesa que pode sair do banco para se destacar na Copa-2018, Alexander-Arnold vem de uma temporada dos sonhos pelo Liverpool. O garoto, que estreou como profissional há só um ano e meio, desbancou o ex-selecionável Nathaniel Clyne e se manteve como titular dos Reds até a final da Liga dos Campeões. O bom desempenho lhe rendeu a primeira convocação para a seleção principal, justamente para o Mundial da Rússia.

BREEL EMBOLO
Atacante
21 anos
Schalke 04 (ALE)
Suíça

Atacante da adversária de estreia do Brasil na Copa, Embolo até parece um veterano, já que seu nome é conhecido há anos. Parte do sucesso se deve à precocidade. O garoto nascido em Camarões e que se mudou para a Suíça na infância estreou como profissional aos 16 anos e chegou à seleção com 18. A outra parte é culpa da série de games “Fifa”.  Em seguidas edições do jogo, o suíço era uma espécie de “compra obrigatória” devido a seu preço aliado a um belo potencial de evolução.

LEE SEUNG-WOO
Meia-atacante
20 anos
Hellas Verona (ITA)
Coreia do Sul

O camisa 10 da seleção sul-coreana foi criado na base do Barcelona e passou a adolescência toda sendo comparado a Lionel Messi. Mas, sem chance na equipe principal do clube catalão, acabou negociado com o Hellas Verona no ano passado. Em sua primeira temporada como profissional, Lee Seung-woo não conseguiu justificar o apelido de “Messi sul-coreano” e fez apenas um gol em 16 partidas. Mas fez o suficiente para ganhar a chance de disputar sua primeira Copa do Mundo.


Mais de Cidadãos do Mundo

Copa em família: Conheça os parentes que vão jogar o Mundial da Rússia
Coisa de brasileiro? 7 jogadores da Copa que são conhecidos pelo apelido
Polêmica sobre masturbação encerrou casamento de rival de estreia do Brasil
Comparado a Maradona em 94, saudita ficou preso e foi açoitado em público


5 novelas para acompanhar nos últimos 10 dias da janela de transferências
Comentários Comente

Rafael Reis

Neymar no Paris-Germain como a contratação mais cara da história do futebol mundial. O renascimento do Milan. A revolução comandada por Pep Guardiola no elenco do Manchester City. Os novos centroavantes de Manchester United, Chelsea e Arsenal.

Muita coisa já rolou na janela de transferências para a temporada 2017/18 do futebol europeu. Mas, faltando dez dias para o fechamento do período de negócios das principais ligas nacionais do Velho Continente, há também várias histórias que ainda não chegaram ao fim.

Apresentamos abaixo cinco novelas ainda abertas da janela de transferências e que têm só até o próximo dia 31 para chegarem a um desfecho.

A REPOSIÇÃO DO BARCELONA

A tão sonhada peça de reposição do Barcelona para o lugar de Neymar é uma das novelas mais empacadas desta janela. O clube catalão sonha com dois nomes, o brasileiro Philippe Coutinho e o francês Ousmane Dembélé e convenceu ambos a se mudar para a Catalunha. O problema é convencer seus clubes a liberá-los. O Liverpool já rejeitou três propostas do Barça por Coutinho, a última de 124 milhões de euros (R$ 461 milhões). Já o Dortmund quer 130 milhões de euros (R$ 483 milhões) por Dembélé. A situação já faz o Barcelona pensar em outras opções para o setor, como Ángel di María, do PSG.

O DESTINO DO FENÔMENO

Autor de seis gols na fase de mata-matas da Liga dos Campeões com apenas 18 anos, Kylian Mbappé foi a revelação do futebol mundial na temporada passada e entrou na mira de Real Madrid, Barcelona, Manchester City e PSG. O atacante dificilmente continuará no Monaco, tanto que nem foi relacionado para o confronto contra o Metz, na última sexta-feira. De acordo com o jornal “Mundo Deportivo”, o atacante francês já definiu seu futuro e será apresentado nesta semana pelo PSG, após o pagamento de 180 milhões de euros (R$ 670 milhões). Será?

O QUE SERÁ DE DIEGO COSTA?

Em guerra com o técnico Antonio Conte desde a reta final da temporada passada, o centroavante nem tem treinado ao lado dos seus companheiros de Chelsea e nem é mais tratado como um jogador do elenco do campeão inglês pelo treinador italiano. Diego Costa deseja retornar para o Atlético de Madri, só que o time espanhol foi punido pela Fifa e só poderá receber novos jogadores em janeiro. A opção para o brasileiro naturalizado espanhol é encontrar um clube para defender neste semestre e se mudar para a capital espanhola no início de 2018.

OS RESERVAS DO PSG

A volúpia do Paris Saint-Germain no Mercado da Bola transformou vários jogadores importantes do seu elenco em reservas que não enxergam muito futuro na capital francesa e precisam de uma mudança de ares para não prejudicar o desenvolvimento de suas carreiras. O primeiro deles, o meia Blaise Matuidi, já se mandou para a Juventus. Faltam Julian Draxler, Serge Aurier, Hatem Ben Arfa, Grzegorz Krychowiak, Lucas…

O ÚLTIMO DESEJO DE GUARDIOLA

O Manchester City já gastou 244 milhões de euros (R$ 907 milhões) em reforços. Mas Pep Guardiola ainda tem um desejo: Alexis Sánchez. A negociação está enrolada há semanas porque o Arsenal prefere perder seu principal jogador sem ganhar um centavo ao fim da temporada, quando termina o contrato do chileno, a negociá-lo com um rival direto da Inglaterra. Pep e o City têm dez dias para convencer o clube londrino a mudar de ideia.


Mais de Cidadãos do Mundo

Novo Mbappé? 7 garotos que podem estourar na nova temporada europeia
Como surgiu a lenda que meia do PSG é uma mulher?
Companheiro de Neymar, goleiro do PSG namora com top model brasileira
Mercado da Bola já movimentou R$ 12,8 bi; veja os reforços mais caros


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>