Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

"Gigante adormecido" da França tem melhor defesa da Europa; veja o top 10

Rafael Reis

23/10/2019 04h20

Um clube que já conquistou seis títulos franceses e esteve na final da primeira edição da Liga dos Campeões, mas que não ganha nada de relevante há décadas e passou boa parte das últimas temporadas perambulando pelas divisões inferiores. Esse é o dono da melhor defesa do futebol europeu em 2019/20.

O Stade de Reims, surpreendente terceiro colocado nesta Ligue 1, com sete pontos a menos que o líder Paris Saint-Germain, só sofreu quatro gols em dez jogos disputados nesta temporada.

Crédito: Divulgação

Nenhuma outra equipe da primeira divisão das sete principais ligas nacionais da Europa (Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha, França, Rússia e Portugal, de acordo com ranking da Uefa) tem desempenho defensivo tão bom assim.

Nesta temporada, o Reims só teve sua defesa vazada nas três partidas da Ligue 1 em que saiu de campo derrotado: 1 a 0 contra Brest e Nantes e 2 a 1 ante o Dijon.

Em compensação, conseguiu segurar o ataque mais poderoso do Francês, o do PSG, a quem derrotou por 2 a 0, e também sobreviveu aos confrontos contra Olympique de Marselha, Strasbourg, Lille, Monaco, Rennes e Montpellier sem sofrer danos.

O time é treinado pelo técnico David Guion, que trabalha no clube desde 2012 e assumiu a função há pouco mais de dois anos. Sua defesa não tem nenhum jogador consagrado. Os nomes mais conhecidos são o goleiro Predrag Rajkovic, reserva da seleção da Sérvia na última Copa do Mundo, e o lateral direito Thomas Foket, que já jogou dois partidas pela Bélgica.

Ou seja, o segredo do sucesso defensivo do Reims não está necessariamente na qualidade dos seus defensores, mas sim no trabalho de marcação realizado por todo o time, que normalmente atua em 4-2-3-1, que privilegia a retaguarda ao desenvolvimento dos ataques.

A melhor defesa da Europa de 2019/20 pertence a um gigante que andava adormecido.

Entre 1949 e 1962, o Reims ganhou nada menos que seis edições do Campeonato Francês. Nessa época, o clube contava com duas lendas do futebol: Raymond Kopa, que também defendeu o Real Madrid, e Just Fontaine, maior artilheiro de uma única edição da Copa do Mundo (13 gols na Suécia-1958).

Na edição da estreia da Champions, em 1956, a equipe francesa só foi derrotada pelo Real, já na decisão. E a final foi épica: um 4 a 3, com direito à virada dos espanhóis no segundo tempo.

Mas o Reims caiu de produção nas últimas décadas. Seu último título de alguma repercussão foi a Copa da Liga de 1991. Duas temporadas atrás, ganhou a segunda divisão e conquistou direito de voltar à elite francesa.

Na atual temporada europeia, o time que mais se aproxima do seu sucesso defensivo é o Athletic Bilbao, da Espanha, que sofreu cinco gols até o momento. Nantes e Paris Saint-Germain, justamente as equipes que estão à sua frente na classificação da Ligue 1, além dos portugueses Santa Clara e Vitória de Setúbal, foram vazados seis vezes cada.

AS MELHORES DEFESAS DA EUROPA NA TEMPORADA:

1 – Reims (FRA) – 4
2 – Athletic Bilbao (ESP) – 5
3 – Nantes (FRA) – 6
Paris Saint-Germain (FRA) – 6
Santa Clara (POR) – 6
Vitória de Setúbal (POR) – 6
7 – Atlético de Madri (ESP) – 7
Udinese (ITA) – 7
9 – Benfica (POR) – 8
Boavista (POR) – 8
Cagliari (ITA) – 8
Montpellier (FRA) – 8
Osasuna (ESP) – 8


Mais de Clubes

Com dois times na Liga dos Campeões, Red Bull é doping no futebol?
Rei das goleadas, City tem o melhor ataque da Europa; veja o top 10
Soberana na Itália, Juve tem melhor aproveitamento da Europa; veja o top 10
Como agente de CR7 fez nanico das divisões de baixo virar líder em Portugal

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Blog do Rafael Reis