Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

Quem é o único brasileiro no top 50 da Chuteira de Ouro nesta temporada?

Rafael Reis

01/10/2019 04h20

Nada de Neymar, Gabriel Jesus, Roberto Firmino, David Neres ou qualquer outro atacante que costuma figurar nas convocações da seleção. O brasileiro mais bem classificado na Chuteira de Ouro nem sequer passou perto de qualquer lista de Tite.

Aos 33 anos, nove deles atuando no futebol sueco, Paulinho é o único representante do país pentacampeão mundial classificado entre os 50 primeiros no prêmio destinado ao maior artilheiro dos campeonatos nacionais da Europa.

Crédito: Divulgação

O camisa 10 do BK Häcken, sexto colocado da primeira divisão da Suécia, marcou dez gols na competição até o momento. Com isso, ocupa a 15ª colocação no ranking, com 15 pontos conquistados.

O atacante, que foi artilheiro da liga sueca no ano passado, é pouco conhecido no Brasil. Por aqui, ele atuou no São José, no XV de Piracicaba, no Bragantino e no Paraná. No exterior, também jogou nos Emirados Árabes e no Azerbaijão.

O brasileiro que mais se aproxima dele nesta edição da Chuteira de Ouro é o meia-atacante João Morelli, do FCI Levadia, da Estônia, que ocupa a 59ª posição, com 11 pontos.

A presença desses jogadores de carreira mais modesta à frente das estrelas nacionais tem uma explicação: eles atuam em ligas que já estão no fim da temporada porque adotam um calendário que começa a termina no mesmo ano.

Já os principais nomes ofensivos do Brasil disputam campeonatos que ainda estão na fase inicial, porque começaram em agosto e vão até maio de 2020.

O país não fatura o prêmio desde 2001/2002, quando Jardel (Sporting) foi o goleador máximo da temporada. O ex-centroavante de Palmeiras e Grêmio também levantou a taça em 1998/1999. Além dele, apenas Ronaldo (1996/1997) já colocou o país no lugar mais alto do pódio.

Lá na frente, a liderança continua com Erik Sorga, atacante estoniano que defende o Flora Talinn, time do seu país-natal. O jogador de 20 anos soma 26 gols em seu campeonato nacional e 26 pontos na corrida pela Chuteira de Ouro.

Apesar de ter marcado uma vez na vitória por 3 a 2 do Bayern de Munique sobre o Paderborn 07, sábado, o centroavante Robert Lewandowski perdeu a segunda colocação no prêmio e caiu para terceiro.

O camisa 9 bávaro foi ultrapassado pelo sueco Muamer Tankovic, do Hammarby, que tem 21 pontos, um a mais do que o astro polonês.

No entanto, Lewa é o único jogador que atua em uma das cinco principais ligas nacionais da Europa (Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha e França), justamente aqueles em que os gols valem dois pontos, que aparece no top 10 da Chuteira de Ouro.

O argentino Lionel Messi é o atual tricampeão do prêmio. O craque do Barcelona é também o recordista de troféus de artilheiro da Europa, com seis conquistas (2010, 2012, 2013, 2017, 2018 e 2019). Na temporada passada, o camisa 10 marcou 36 vezes e acumulou 72 pontos.

"Blog do Rafael Reis" publica a cada terça-feira uma nova parcial da disputa.

Confira o top 10 da Chuteira de Ouro

1º – Erik Sorga (EST, Flora Tallinn) – 26 pontos (26 gols)
2º – Muamer Tankovic (SUE, Hammarby) – 21 pontos (14 gols)
3º – Robert Lewandowski (POL, Bayern de Munique) – 20 pontos (10 gols)
4º – Ilia Shrukin (BLR, Energetik-BGU Minks) – 19,5 pontos (13 gols)
5º – Robin Söder (SUE, IFK Gotemburgo) – 18 pontos (12 gols)
Vitalii Kvashuk (UCR, Gomel) – 18 pontos (12 gols)
7º – Carlos Strandberg (SUE, Malmö) – 16,5 pontos (11 gols)
Erling Haaland (NOR, Red Bull Salzburg) – 16,5 pontos (11 gols)
Jordan Larsson (SUE, Norrköping) – 16,5 pontos (11 gols)
Markus Rosenberg (SUE, Malmö) – 16,5 pontos (11 gols)
Mohamed Buya Turay (SRL, Djurgardens) – 16,5 pontos (11 gols)
Pavel Nekhaychik (BLR, Dynamo Brest) – 16,5 pontos (11 gols)


Mais de Brasileiros pelo Mundo

Ídolo no River, brasileiro defendeu a Argentina e foi demitido por nazista
"Novo Kaká" se decepcionou com fama e curte anonimato na segundona da China
Por onde andam 7 brasileiros que jogaram no Manchester City?
Para agradar Zidane, Vinícius Jr. muda estilo e dribla menos que Casemiro

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Blog do Rafael Reis