Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

Por onde andam 7 ídolos históricos do Liverpool?

Rafael Reis

16/05/2019 04h20

Eles já penduraram as chuteiras e abandonaram o futebol profissional. Mesmo assim, continuam sendo amados e idolatrados pelos torcedores dos clubes onde marcaram gols, fizeram defesas milagrosas, conquistaram títulos importantes e escreveram seus nomes na história.

Desde o começo de abril, o "Blog do Rafael Reis" publica semanalmente a seção "Por Onde Andam os ídolos?". Ao longo dos próximos meses, mostraremos os paradeiros dos maiores nomes de todos os tempos dos times mais importantes do futebol europeu.

Hoje, apresentamos o destino de sete ídolos históricos do Liverpool, um dos finalistas da Liga dos Campeões da Europa. Na próxima semana, será a vez de fazer o mesmo com jogadores que construíram a trajetória do Tottenham, seu adversário na decisão do dia 1º de junho.

STEVEN GERRARD
38 anos
Ex-meia
Inglês

Crédito: Divulgação

Líder do Liverpool na conquista do último título de Champions League, em 2005, o ex-meia é o maior ídolo dos Reds no século 21. Gerrard vestiu a camisa vermelha 710 vezes ao longo de 17 temporadas e marcou 186 gols. Aposentado desde 2016, chegou a trabalhar durante um ano nas categorias de base do clube inglês antes de aceitar o convite para dirigir o Rangers. Na Escócia desde junho, foi vice-campeão nacional e chegou às semifinais da Copa da Liga.

KENNY DALGLISH
68 anos
Ex-atacante
Escocês

Crédito: Divulgação

A importância de Dalglish para o Liverpool vai muito além dos 172 gols que fazem dele o sétimo maior artilheiro da história do clube. King Kenny, apelido pelo qual é conhecido, foi o maior astro dos Reds em seu período mais vitorioso. Durante os 13 anos que passou em Anfield, Dalglish foi seis vezes campeão inglês e conquistou três Champions. Nas últimas cinco temporadas de sua carreira, ele ainda aliou o posto de atacante ao de treinador do Liverpool. Em 2011/12, teve uma passagem como técnico, mas sem muito sucesso. Atualmente, faz parte da diretoria.

IAN RUSH
57 anos
Ex-atacante
Galês

Crédito: Divulgação

Companheiro de Dalglish na conquista de duas Champions (1981 e 1984), o ex-atacante galês é o maior artilheiro do Liverpool em todos os tempos. Rush marcou 346 gols em 660 partidas oficiais pelo clube. Ou seja, possui uma média superior a uma bola na rede a cada duas partidas. Depois de pendurar as chuteiras, o ídolo dos Reds trabalhou durante um ano como técnico na quarta divisão inglesa, mas logo desistiu da nova carreira. Desde então, vem atuando esporadicamente como comentarista de futebol na TV.

IAN CALLAGHAN
77 anos
Ex-meia
Inglês

Crédito: Divulgação

Campeão mundial com a seleção inglesa em 1966, detém o recorde de jogador que mais atuou pelo Liverpool. Formado nas categorias de base do clube, Callaghan disputou 857 partidas oficiais entre 1959 e 1978. O ex-meia também fez parte das duas primeiras conquistas dos Reds na Liga dos Campeões, o bicampeonato de 1977 e 1978. Aclamado em sua terra natal, ele faz parte do Hall da Fama do futebol inglês e foi condecorado como Membro de Império Britânico.

JAMIE CARRAGHER
41 anos
Ex-zagueiro
Inglês

Crédito: Julian Finney/Getty Images

Companheiro de Gerrard na conquista europeia de 2005, só perde para Callaghan no número de jogos feitos pelo Liverpool. Os Reds foram o único time que Carragher defendeu durante seus 17 anos como profissional. Em 2013, após 737 partidas usando a camisa vermelha, o ex-zagueiro deixou os gramados para iniciar uma carreira de comentarista esportivo. Desde então, o ídolo do Liverpool trabalha na TV, escreve colunas para sites/jornais e destila comentários polêmicos em suas redes sociais.

ROGER HUNT
80 anos
Ex-atacante
Inglês

Crédito: Divulgação

O ex-atacante detém até hoje o recorde de gols em uma só temporada pelo Liverpool (47, em 1983/84) e só perde para Ian Rush na artilharia história do clube (marcou 286 vezes entre 1958 e 1969). Assim como Callaghan, ajudou a Inglaterra a conquistar seu único título mundial, em 1966. Por isso, faz parte do Hall da Fama da modalidade no país e possui admiradores mesmo entre torcedores de outros clubes.

GRAEME SOUNESS
66 anos
Ex-meia
Escocês

Crédito: Divulgação

Capitão do Liverpool no começo da década de 1980, ganhou três títulos europeus durante os sete anos que defendeu os Reds e gravou seu nome na história do clube. Também trabalhou durante 20 anos como treinador e dirigiu equipes como Rangers, Galatasaray, Torino e Benfica, além do próprio Liverpool, onde faturou a Copa da Inglaterra de 1992. Souness abandonou a carreira de técnico em 2006 e hoje comenta jogos e participa de programas esportivos na TV.


Mais de Cidadãos do Mundo

Finalista da Champions, Liverpool põe dupla no top 10 da Chuteira de Ouro
5 destaques da fase de grupos da Libertadores para seu time contratar
Na mira de Real e United, inglês gera polêmica por apologia a terroristas
4 astros do futebol mundial que têm (ou já tiveram) affairs com brasileiras

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Blog do Rafael Reis