Topo
Blog do Rafael Reis

Blog do Rafael Reis

Por onde andam 7 ex-jogadores do Manchester City que "sumiram"?

Rafael Reis

2020-12-20T18:04:20

20/12/2018 04h20

Como está a carreira daquele jogador que já teve seus momentos de glória em um dos grandes clubes do futebol europeu, mas que hoje anda um tanto quanto sumido, vestindo uma camisa menos tradicional e atuando por um campeonato que gera menos repercussão midiática?

É para responder a essa pergunta que o "Blog do Rafael Reis" publica desde o fim de novembro a seção "Por Onde Anda? – Times Internacionais". Durante as próximas semanas, revelaremos os paradeiros de vários jogadores que estão nessa situação.

Nesta quinta-feira, mostramos os destinos de sete ex-jogadores do Manchester City. Na semana que vem, será a vez de desvendarmos os paradeiros de atletas que passaram pelo Manchester United.

YAYA TOURÉ
Meia
35 anos
Marfinense
Sem clube

Crédito: Phil Noble/Reuters

Um dos maiores ídolos do Manchester City na sua "era milionária", permaneceu no clube durante oito temporadas. De relacionamento complicado com o técnico Pep Guardiola, deixou o atual campeão inglês na última janela de transferências e assinou com o Olympiakos. Mas sua passagem pela Grécia limitou-se a três meses e cinco partidas. Na semana passada, rescindiu seu contrato. Agora, negocia uma volta à Inglaterra para ser adversário do City na Premier League.

NIGEL DE JONG
Volante
34 anos
Holandês
Al Ahli (QAT)

Crédito: Divulgação

Jogador do City entre 2009 e 2012, fez parte do elenco que conquistou o primeiro título inglês do clube neste século. Sempre lembrado pelo poder de marcação e pela truculência nas divididas com os adversários, o holandês atuava na elite europeia até o primeiro semestre deste ano, quando trocou o Mainz (ALE) pelo futebol do Qatar. No país-sede da próxima Copa do Mundo, De Jong tem até balançado as redes, algo pouco comum na sua carreira – marcou duas vezes em 13 jogos pelo Al Ahli.

JOE HART
Goleiro
31 anos
Inglês
Burnley (ING)

Crédito: Paul Elis/AFP

Integrante da seleção inglesa em duas Copas do Mundo (2010 e 2014), era dono absoluto da meta do City até a chegada de Pep Guardiola. Barrado pelo treinador espanhol, Hart foi emprestado para Torino e West Ham. Na atual temporada, acabou negociado com o Burnley, um dos últimos colocados do Campeonato Inglês, onde tem média de quase dois gols sofridos por partida.

MICAH RICHARDS
Lateral direito
30 anos
Inglês
Aston Villa (ING)

Crédito: Divulgação

Cria das categorias de base do City, ficou no time principal durante 10 temporadas e por anos usou a braçadeira de capitão. Micah Richards foi importante na conquista do título inglês de 2012, mas acabou perdendo espaço no elenco com a intensificação das contratações de peso feitas pelo clube. Desde 2015, defende o Aston Villa, clube com rica história na Inglaterra, mas que atualmente está escondido na segunda divisão.

SAMIR NASRI
Meia-atacante
31 anos
Francês
Sem clube

Crédito: Martin Rickett/AP

Ex-garoto de ouro do futebol francês, não conseguiu virar o craque que se imaginava. Mesmo assim, disputou duas edições da Eurocopa (2008 e 2012) e defendeu o Manchester City durante seis temporadas. Em baixa, jogou no Antalyaspor, da Turquia, na temporada passada até ser suspenso por doping. Nasri estará liberado para voltar aos gramados em janeiro. De acordo com a imprensa inglesa, ele negocia com o West Ham.

JAVI GARCÍA
Volante
31 anos
Espanhol
Betis (ESP)

Crédito: Divulgação

O volante revelado no Real Madrid e que se destacou com a camisa do Benfica passou apenas duas temporadas na Inglaterra e não deixou muitas saudades. Negociado com o Zenit, jogou por três anos na Rússia até retornar para a Espanha, na temporada passada. No Betis, tem enfrentado muitos problemas físicos e atualmente é apenas uma opção para o banco de reservas do clube alviverde.

SCOTT SINCLAIR
Meia-atacante
29 anos
Inglês
Celtic (ESC)

Crédito: Divulgação

Contratado pelo City em 2012 para aumentar a presença de jogadores ingleses no elenco, disputou apenas 19 partidas e chegou a ser rebaixado para reforçar a equipe B do clube. Desprestigiado no clube, acabou negociado com o Aston Villa. Hoje, joga no Celtic, atual heptacampeão escocês, onde tem papel de protagonista.


Mais de Cidadãos do Mundo

Astro da Juve já foi pego em escândalo de corrupção: verdade ou lenda?
Com 5 gols em 11 dias, Messi dispara rumo ao topo da Chuteira de Ouro
Além de Sampaoli: 5 técnicos estrangeiros para dirigir seu time em 2019
Como dono do Chivas ajudou a alavancar carreira de ganhador do Oscar

Sobre o Autor

Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina e mestre em comunicação pela Fundação Cásper Líbero, foi repórter da Folha de S. Paulo por nove anos e mantém um blog sobre futebol internacional no UOL desde 2015.

Sobre o Blog

Este espaço conta as histórias dos jogadores que fazem do futebol uma paixão mundial. Não só dos grandes astros, mas também dos operários normalmente desconhecidos pelo público.

Mais Blog do Rafael Reis