Blog do Rafael Reis

Mesmo com lesão, Neymar foi o brasileiro que mais criou gols na temporada

Rafael Reis

Neymar perdeu os últimos dois meses e meio da temporada em virtude de uma fratura no pé direito. Mesmo assim, foi o jogador brasileiro que mais criou gols no futebol europeu em 2017/18.

Em primeiro ano atuando na França, o camisa 10 da seleção de Tite teve participação direta em 47 gols marcados pelo Paris Saint-Germain. Foram 28 bolas empurradas para as redes por ele próprio e mais 19 passes para seus companheiros marcarem.

Como Neymar atuou em apenas 30 partidas ao longo da temporada, isso significa que ele produziu uma média incrível de 1,57 gol por partida que disputou.

O brasileiro foi o segundo principal artilheiro do PSG ao longo dos últimos nove meses (perdeu apenas para o uruguaio Edinson Cavani, autor de 40 anos) e o jogador do time francês que mais deu assistências.

Ele participou ativamente de 27,5% de todos os 171 gols anotados pela equipe de Paris ao longo da temporada.

Nenhum brasileiro que atua na primeira divisão de alguma das dez dez principais ligas da Europa (Espanha, Inglaterra, Itália, Alemanha, França, Rússia, Portugal, Ucrânia, Bélgica e Turquia, segundo os coeficientes da Uefa) criou tantos gols quanto Neymar.

Quem mais se aproxima dele é Roberto Firmino. O camisa 9 do Liverpool, adversário do Real Madrid na final da Liga dos Campeões da Europa, neste sábado, em Kiev (Ucrânia), produziu 44 gols, três a menos que Neymar –27 marcados por ele mesmo e 17 criações para outros jogadores completarem.

O artilheiro brasileiro da temporada e goleador do Campeonato Português completa o pódio. Além dos 37 gols marcados pelo Benfica, Jonas também distribuiu seis assistências. No total, criou 43 gols.

Philippe Coutinho, que trocou o Liverpool pelo Barcelona na janela de transferências de janeiro, foi o quarto e último brasileiro que rompeu a casa dos 30 gols criados na temporada. O meia marcou 22 vezes e deu 14 passes para companheiros marcarem.

Dos 11 brasileiros mais bem posicionados nesse ranking, dez atuam em posições ofensivas, como meias ou atacantes. O único defensor na lista é o lateral esquerdo Alex Telles, do Porto. Sétimo colocado, o ex-Grêmio produziu 24 gols: foram quatro bolas nas redes e 20 passes (ou cruzamentos) que originaram gols.

BRASILEIROS COM MAIS GOLS CRIADOS NA TEMPORADA:

1º – Neymar (Paris Saint-Germain) – 47 (28 gols + 19 assistências)
2º – Roberto Firmino (Liverpool) – 44 (27+17)
3º – Jonas (Benfica) – 43 (37+6)
4º – Philippe Coutinho (Liverpool/Barcelona) – 36 (22+14)
5º – Anderson Talisca (Besiktas) – 28 (20+8)
6º – Willian (Chelsea) – 25 (13+12)
7º – Alex Telles (Porto) – 24 (4+20)
Raphinha (Vitória de Guimarães) – 24 (18+6)
Willian José (Real Sociedad) – 24 (20+4)
10º – Fabrício (Portimonense) – 23 (16+7)
Luiz Adriano (Spartak Moscou) – 23 (15+8)


Mais de Balanço da Temporada

Ex-Grêmio supera Neymar e é o ''garçom'' brasileiro da temporada europeia
Ignorado por Tite, Jonas é o goleador brasileiro da temporada; veja top 10
Dortmund é campeão de público da Europa; Barça despenca sem Neymar
Dupla do Real está entre os mais indisciplinados da temporada; veja top 10
Nenhum jogador produziu mais gols que Messi na temporada; veja top 10
Finalista da Liga Europa é maior ''garçom'' da temporada; veja o top 10
Salah bem que tentou, mas Chuteira de Ouro irá pela 5ª vez para Messi