Blog do Rafael Reis

6 figurinhas do álbum da Copa que não devem ir para a Rússia-2018

Rafael Reis

Toda Copa do Mundo é a mesma história. Lançado meses antes do pontapé inicial, o álbum oficial da competição traz várias figurinhas de jogadores que acabam não sendo convocados para o torneio.

Os motivos são os mais variados possíveis: contusões, quedas de desempenho ou mesmo decisões amadurecidas ao longo do tempo pelos treinadores das seleções participantes da Copa.

No último Mundial, a Panini, empresa responsável pelo álbum, chegou a lançar um lote com 71 novas figurinhas para substituir os cromos de atletas que estavam no livro ilustrado, mas não foram chamados por seus técnicos.

A substituição atingiu até a seleção brasileira. O cromo de Robinho, que não foi convocado por Luiz Felipe Scolari, acabou trocado pelo de Jô.

Conheça abaixo seis jogadores que viraram figurinhas e estão no álbum da Cooa-2018, mas que dificilmente disputarão o Mundial da Rússia.

MARIO GÖTZE
Figurinha 449
Alemanha
25 anos
Meia-atacante
Borussia Dortmund (ALE)

Autor do gol que decidiu a última Copa do Mundo, o camisa 10 do Borussia Dortmund só apareceu em uma das últimas sete convocações feitas pelo técnico Joachim Löw e dificilmente fará parte da lista final do treinador alemão para a Rússia-2018. Diferente de quatro anos atrás, quando parecia ser a grande promessa germânica para o futuro, o Götze atual desperta desconfianças sobre a condição física e também a capacidade de desenvolver um futebol de alto nível.

PAULO DYBALA
Figurinha 289
Argentina
24 anos
Atacante
Juventus (ITA)

Jogador de qualidade técnica inquestionável, sofre com a falta de boas atuações pela seleção argentina e também com a imaturidade demonstrada em momentos chave, como a expulsão contra o Real Madrid, nas quartas de final da Champions. Dybala caiu em desgraça com o técnico Jorge Sampaoli após afirmar que não se vê jogando ao lado de Messi por atuar na mesma faixa de campo do craque do Barcelona.

MAURO ICARDI
Figurinha 287
Argentina
25 anos
Atacante
Inter de Milão (ITA)

Vice-artilheiro do Campeonato Italiano, o capitão da Inter de Milão passou anos sendo ignorado das convocações da seleção, possivelmente devido a seu polêmico histórico extracampo. No desespero de classificar a Argentina para a Copa, Sampaoli “perdoou” Icardi e o colocou em campo na reta final das eliminatórias. Mas o centroavante não conseguiu aproveitar as oportunidades que teve e, dificilmente, fará parte da lista final do Mundial da Rússia.

ALEKSANDR KOKORIN
Figurinha 52
Rússia
27 anos
Atacante
Zenit São Petesburgo (RUS)

Um dos raros jogadores de qualidade indiscutível na seleção anfitriã da Copa-2018, o centroavante vai perder o Mundial devido a um rompimento no ligamento cruzado do joelho direito. Kokorin se machucou na partida contra o RB Leipzig, pela Liga Europa, em março, e precisou passar por uma cirurgia para reconstrução do ligamento. Com prazo de recuperação de seis meses, o atacante do Zenit virou desfalque certo para a Rússia.

ALEXANDRE LACAZETTE
Figurinha 208
França
26 anos
Atacante
Arsenal (FRA)

A contratação de Pierre-Emerick Aubameyang pelo Arsenal no último mês de janeiro mandou Alexandre Lacazette para o banco de reservas do clube inglês e diminuiu bastante suas chances de ser convocado para a Copa do Mundo. Afinal, o ex-jogador do Lyon tem concorrentes de peso na disputa por seis (ou sete) vagas na lista de Didier Deschamps: Antoine Griezmann, Kylian Mbappé, Olivier Giroud, Ousmane Dembélé, Anthony Martial, Kingsley Coman, Wissam Ben Yedder, Nabil Fekir e Dimitri Payet.

NACHO MONREAL
Figurinha 137
Espanha
32 anos
Lateral esquerdo
Arsenal (ING)

Uma espécie de reserva fixo de Jordi Alba desde o fim da Eurocopa-2016, foi excluído das duas últimas convocações espanholas e dificilmente estará na lista final para a Copa do Mundo. Pesam contra Monreal o fato de ele ter passado a maior parte da temporada jogando como zagueiro no Arsenal e a boa estreia feita por Marcos Alonso, do Chelsea, na seleção.


Mais de Cidadãos do Mundo

6 sul-americanos em fim de contrato que já estão livres para mudar de time
''Cérebro'' da Sérvia já apanhou de técnico e foi expulso por não cantar hino
Lenda, técnico do Boca é velha ''pedra no sapato'' do Palmeiras
Messi chega à ponta e vira favorito para ganhar o penta da Chuteira de Ouro