Blog do Rafael Reis

5 nomes para você e seu clube prestarem atenção na Libertadores

Rafael Reis

Com quem devo me preocupar na Libertadores? Quais são aqueles jogadores que devo acompanhar de perto? E os que meu clube deve prestar atenção para tentar uma contratação no meio ou no final do ano?

É para responder a essas e outras perguntas do gênero que listamos abaixo cinco jogadores que merecem uma observação especial na competição sul-americana… uma observação especial dos torcedores, dos marcadores adversários e também dos cartolas brasileiros.

Vale lembrar que a fase de grupos da Libertadores-2017 começa nesta terça-feira e vai até o fim de maio. A decisão do título continental está prevista para 29 de novembro.

MATEUS URIBE
Meia
25 anos
Colombiano
Atlético Nacional (COL)

Contratado do Tolima em julho, não chegou a participar da conquista da Libertadores do ano passado. Mas, no segundo semestre, tornou-se o dono do meio-campo do Atlético Nacional. Criativo e cheio de vigor, Uribe é um daqueles homens que rodam pelo campo inteiro. Também possui uma boa chegada ao ataque, tanto que marcou dois gols nas cinco primeiras rodadas do Campeonato Colombiano. Estreou pela seleção no amistoso contra o Brasil, em janeiro. Deve ser o próximo grande jogador a deixar o Atlético Nacional… Quem sabe rumo ao futebol pentacampeão mundial?

SEBASTIÁN DRIUSSI
Atacante
21 anos
Argentino
River Plate (ARG)

Artilheiro do Campeonato Argentino, com 10 gols em 14 partidas, é o nome do momento na terra de Lionel Messi. Apesar de ter apenas 21 anos, Driussi vai para sua quarta temporada como profissional do River Plate e forma com Lucas Alario uma das mais temidas duplas de ataque da América do Sul.  Na janela de janeiro, foi alvo de interesse do Tottenham, mas optou por ficar no clube onde começou. Sua cláusula de rescisão é relativamente baixa: 15 milhões de euros (R$ 49 milhões).

ANDRÉS IBARGÜEN
Atacante
24 anos
Colombiano
Atlético Nacional (COL)

Jogador de características semelhantes às de Jonathan Copete e Orlando Berrío, hoje no Santos e no Flamengo, respectivamente, deve ser o homem de velocidade pelo lado esquerdo do ataque do Atlético Nacional em 2017. Está retornando agora de uma lesão no tornozelo que o tirou do Mundial de Clubes e do amistoso contra o Brasil, em janeiro. Ibargüen teve proposta do Racing (ARG) e do futebol chinês, mas decidiu ficar na Colômbia por mais tempo.
SANTIAGO ASCACIBAR
Volante
19 anos
Argentino
Estudiantes (ARG)

Capitão da Argentina no Sul-Americano sub-20, o volante tem sido apontado como um sucessor natural de Javier Mascherano na seleção principal. Titular do meio-campo do Estudiantes desde o início do ano passado, Ascacibar chegou a ser procurado pelo Atlético-MG no fim de 2016. O interesse de outros clubes europeus, como Paris Saint-Germain, Fiorentina e Sassuolo, minou o possível negócio.

LAUTARO ACOSTA
Meia-atacante
28 anos
Argentino
Lanús (ARG)

Nome mais experiente da lista, já teve uma experiência de quatro anos no futebol espanhol (Sevilla e Racing Santander) e defendeu o Boca Juniors até retornar em 2013 ao Lanús, seu clube de origem.  Baixinho e bastante elétrico, Acosta se destacou na conquista do título argentino, no primeiro semestre do ano passado, e chegou a ser pré-convocado para a Copa América Centenário. Na atual edição do Argentino, marcou quatro vezes em 11 apresentações.


Mais de Cidadãos do Mundo

5 brasileiros, 5 argentinos: os 10 jogadores mais caros da Libertadores
Por onde andam os jogadores do Barcelona ''campeão de tudo'' em 2009?
Manipuladores de resultados já apagaram luz de jogo do Barça na Champions
Novo Guardiola: 5 técnicos que o Barcelona poderia ''inventar'' para 2017/18